São Paulo termina clássico contra Palmeiras com duas baixas; Médicos avaliam Rafinha e Ferraresi

Rafinha tenta passar por palmeirenses no clássico deste domingo (Foto: Rubens Chiri/São Paulo FC)


O São Paulo deixou o Allianz Parque com problemas além do ponto conquistado por conta do empate sem gols com o Palmeiras, pelo Campeonato Paulista. Durante a partida, o lateral-direito Rafinha e o zagueiro Ferraresi deixaram o campo contundidos e seriam avaliados pelos médicos tricolores para aprofundarem o grau das leões.

Rafinha saiu de campo após sofrer uma entorse no tornozelo esquerdo. Ferraresi, também com uma entorse, mas no joelho direito, também precisou sem substituído.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.


+ ATUAÇÕES: Defesa é o destaque do São Paulo em empate sem gols com Palmeiras no clássico

Segundo o técnico Rogério Ceni, ambos já são desfalques certos do Tricolor pelo menos para a próxima partida do clube, ante a Portuguesa, 21h30 (de Brasília) de quinta-feira (26), no Morumbi.

Para o lugar de Ferraresi, a troca parece óbvia: o argentino Alan Franco, reforço contratado junto ao futebol dos EUA, que estreou ante a Ferroviária, na última semana, mas que sequer foi relacionado para o clássico pela limitação de estrangeiros.

Na lateral, a coisa se desenha com a entrada de Orejuela. O colombiano substituiu Rafinha no decorrer do clássico e pode ser mantido, caso Igor Vinícius continue fora. O antigo titular ficou de fora neste domingo por conta de uma pubalgia, segundo a assessoria são-paulina.

Com a nova configuração, parece cada vez mais difícil que haja a entrada de novos estrangeiros além dos que vêm sendo relacionados, já que a limitação ficaria completa com Orejuela, Arboleda, Alan Franco, Méndez e Calleri, todos entre os 11 iniciais.

> Confira jogos, classificação e simule os resultados do Paulistão-23