São Paulo receberá quantia milionária por convocação de Arboleda para a Copa do Mundo

Arboleda se recuperou da grave lesão que sofreu em junho (Foto: Divulgação/ Seleção Equador)


O zagueiro Arboleda passou os últimos meses trabalhando duro para conseguir uma recuperação em tempo recorde para a Copa do Mundo. E deu certo. O são-paulino se recuperou bem da cirurgia no tornozelo esquerdo e foi convocado pela seleção do Equador para o Mundial no Qatar, nesta última segunda-feira, e ainda vai ajudar financeiramente o São Paulo.


Como está o São Paulo para a abertura da janela de transferências de 2023? O vaivém do mercado no Tricolor

Veja tabela completa da Copa do Mundo

A Fifa paga diárias para clubes com atletas convocados. Este valor gira em torno dos US$ 10 mil (cerca de R$ 50,2 mil na cotação atual), por todo o período que o jogador estiver sob o comando da sua seleção, independente qual seja.

Mesmo que a Copa do Mundo inicie no dia 20 de novembro, este valor também agrega os dias que o atleta estiver em preparação. Ou seja, não só os jogos em si.

Arboleda já deve entrar em campo no primeiro dia do Mundial. O Equador, no grupo A, encara o Catar no domingo (20), às 13h. Ainda na primeira fase, enfrenta a Holanda e o Senegal.

Ao todo, já com o período de treinos, somente a primeira fase deve render quase um milhão certo para o São Paulo. Serão US$ 160 mil (R$ 803 mil na cotação atual).

Este valor independe do rendimento da seleção equatoriana, porém, caso se classifique para as oitavas, pode aumentar. Se Arboleda e seus companheiros conseguirem passar da fase de grupos, serão mais cinco dias que a Fifa pagará, assim, o valor total poderá chegar a US$ 210 mil (R$ 1,05 milhão na cotação atual).

Se chegar até a grande final, no dia 18 de dezembro, o São Paulo pode levar cerca de US$ 320 mil (R$1,7 milhão na cotação atual), graças a presença de Arboleda - que no caso, é o único atleta do elenco atual do Tricolor paulista que foi convocado.

De acordo com o historiador do clube, Michael Serra, Arboleda será o sétimo são-paulino convocado para defender uma seleção estrangeira na Copa do Mundo em toda a história. Além dele, tiveram Diego Forlán e Pedro Rocha (Uruguai, 1974), Darío Pereyra (Uruguai, 1986), Aristizábal (Colômbia, 1998), Álvaro Pereira (Uruguai, 2014) e Cueva (Peru, 2018).

A convocação de Arboleda, além de trazer essa quantia em dinheiro já certa para o São Paulo, é uma esperança para o próximo ano. O jogador é uma das principais peças para Rogério Ceni. Sem jogar desde junho, já deve estar presente em campo novamente para o Campeonato Paulista.