São Paulo quer liberar Pablo Maia no meio do ano e tenta convencer clube inglês

Pablo Maia conquistou seu espaço no elenco profissional do São Paulo este ano (Foto: Paulo Pinto/Saopaulofc.net)


O São Paulo está perto de convencer o Fulham, da Inglaterra, de liberar Pablo Maia somente na metade de 2023 - fim da temporada europeia. As informações foram apuradas pelo LANCE!. A equipe inglesa, por sua vez, quer o jogador já para o começo do próximo ano.

Como está o São Paulo para a abertura da janela de transferências de 2023? O vaivém do mercado no Tricolor

Veja tabela da Copa do Mundo

Conforme o L! já tinha adiantado em outubro, o plano do Tricolor é simples: liberar Pablo Maia a partir do segundo semestre de 2023, mas desde que a oferta chegue na casa dos 10 milhões de euros (55,2 milhões de reais na cotação atual).

Além do Fulham, outros clubes ingleses teriam se interessado na cria de Cotia - que ganhou espaço no profissional do São Paulo neste ano e foi vista como a 'revelação' do Campeonato Paulista 2022. Entre esses times, estariam o Nottingham Forest e o West Ham.

Titular da equipe do ex-técnico Alex de Souza, que chegou à semifinal da competição da Copa São Paulo de Futebol Júnior, Pablo Maia foi logo promovido ao time profissional por Rogério Ceni.

E é um dos nomes do elenco atual que mais entrou em campo: 61 vezes, com dois gols marcados. O jovem atleta conquistou a posição de titular com a contusão de Gabriel Neves, primeira opção do treinador para o setor.

O mesmo Fulham já havia monitorado outras crias são-paulinas, como Luizão, Rodrigo Nestor e Igor Gomes. Atuam no clube de Londres atualmente os brasileiros Willian e Andreas Pereira, respectivamente ex-Corinthians e Flamengo.

Durante um evento beneficente na cidade de Santos, litoral do estado de São Paulo, Pablo Maia falou sobre propostas que recebeu do futebol inglês e desconversou.

– Na minha cabeça é só em jogar futebol, deixo isso para meus familiares e empresários - disse.