São Paulo quer acabar com jejum de 15 anos na Argentina pela Libertadores

Gabriel Santos
·2 minuto de leitura


O São Paulo joga diante do Racing, às 19h, em Avellaneda, buscando quebrar um jejum de 15 anos sem vencer na Argentina pela Libertadores da América. A última vitória em solo argentino pela competição continental foi em junho de 2005, quando bateu o River Plate, por 3 a 2.

Confira marcas importantes atingidas por Crespo no São Paulo

De lá para cá, são seis jogos no país vizinho pela Libertadores, com cinco derrotas e um empate. Foram nove gols sofridos e apenas três marcados, perdendo para equipes como o próprio River Plate, Talleres, San Lorenzo, Estudiantes e Arsenal de Sarandí.

VEJA A POSIÇÃO DO SÃO PAULO NA LIBERTADORES

Se pegarmos todas as competições, o retrospecto é ainda pior. Em 19 jogos na Argentina neste século, foram onze derrotas, seis empates e apenas duas vitórias, contra o River em 2005, pela Libertadores e diante do Colón, na Sul-Americana de 2018.

No entanto, o Tricolor aposta no bom momento para quebrar o tabu. Em nove jogos, foram oito vitórias e um empate. A equipe não sabe o que é perder desde o dia 13 de março, quando foi derrotado pelo Novorizontino por 2 a 1, pelo Campeonato Paulista.

Além da quebra do tabu, uma vitória diante do Racing marcará um fato inédito para o São Paulo. A equipe nunca venceu os três primeiros jogos da fase de grupos da Libertadores. Vale lembrar que o Tricolor venceu o Sporting Cristal por 3 a 0 e o Rentistas por 2 a 0. São seis pontos em dois jogos.

ÚLTIMOS JOGOS DO SÃO PAULO NA ARGENTINA PELA LIBERTADORES
Estudiantes 1×0 São Paulo (Libertadores 2006)
Arsenal de Sarandí 2×1 São Paulo (Libertadores 2013)
San Lorenzo 1×0 São Paulo (Libertadores 2015)
River Plate 1×1 São Paulo (Libertadores 2016)
Talleres 2 x 0 São Paulo (Libertadores 2019)
River Plate 2 x 1 São Paulo (Libertadores 2020)