São Paulo promete voltar mais “equilibrado” após intertemporada

A uma semana do retorno aos jogos, o São Paulo usa a intertemporada a que foi submetido após as eliminações no Campeonato Paulista e na Copa do Brasil para não repetir os erros nas duas competições que lhe restam em 2017. Esse tem sido o discurso de todos os jogadores que deram entrevistas desde que o time entrou num regime intenso de treinos, no último dia 26.

“Quando joga quarta e domingo não tem tempo. Claro que todo jogador prefere atuar do que jogar, mas estamos passando por esse período e temos que aproveitar o máximo para chegar melhor preparado para o próximo jogo”, afirmou o meia Thomaz.

O camisa 19 se referiu à partida contra o Defensa y Justicia-ARG, em 11 de maio, no Morumbi, pelo duelo de volta da primeira fase da Copa Sul-Americana. Contra os argentinos, os tricolores almejam deixar uma boa impressão à sua torcida e mostrar que a equipe evoluiu durante esses 17 dias de intervalo.

“Claro que queríamos estar na final do Paulistão e ter seguido na Copa do Brasil, mas já que não aconteceu é aproveitar a parte física e a parte tática para melhorar para os próximos jogos”, ponderou Thomaz.

“A gente vem desde às 8 horas da manhã, fazendo reforço, treinando, para que possamos estar sérios nos trabalhos. Lógico que tem a descontração de cada um, mas na hora que a bola rolar a equipe vai estar centrada para não deixar a desejar, como deixou”, avaliou o lateral direito Bruno, em entrevista ao canal Espn Brasil.

Em 25 jogos disputados na temporada, o Tricolor contabiliza 11 vitórias, 10 empates e quatro derrotas (61% de aproveitamento), com 44 gols marcados e 30 sofridos. Notabilizado por sua eficiência ofensiva, o time treinado por Rogério Ceni, contudo, foi vítima da vulnerabilidade defensiva, tida como vilã nas eliminações para Cruzeiro e Corinthians na Copa do Brasil e no Paulistão, respectivamente.

“Um ponto muito positivo é a posse de bola, cruzamentos, maior número de finalizações…Mas tem que encontrar o equilíbrio com esses números e não tomar os gols que sofremos nos últimos jogos”, refletiu Thomaz.

A intertemporada são-paulina também será colocada à prova no Campeonato Brasileiro, pelo qual o time do Morumbi estreará no dia 14, contra o Cruzeiro, no Mineirão.

“Estamos administrando bem para minimizar os erros cometidos nesses campeonatos. O foco é total no Brasileiro e na Sul-Americana para errar menos. Sabemos da qualidade do grupo. Podemos, sim, disputar lá na frente e conquistar esses títulos”, concluiu Bruno.