São Paulo dá fim a jejum ao vencer o Grêmio e fica perto de vaga na Libertadores

·3 minuto de leitura
RS - Porto Alegre - 14/02/2021 - BRASILEIRO A 2020, GREMIO X SAO PAULO - Luciano jogador do Sao Paulo comemora seu gol durante partida contra o Gremio no estadio Arena do Gremio pelo campeonato Brasileiro A 2020. Foto: Pedro H. Tesch/AGIF
RS - Porto Alegre - 14/02/2021 - BRASILEIRO A 2020, GREMIO X SAO PAULO - Luciano jogador do Sao Paulo comemora seu gol durante partida contra o Gremio no estadio Arena do Gremio pelo campeonato Brasileiro A 2020. Foto: Pedro H. Tesch/AGIF

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Enfim o São Paulo conquistou sua primeira vitória em 2021. Depois de oito partidas seguidas sem vencer, a equipe do Morumbi bateu o Grêmio neste domingo (14), de virada, em Porto Alegre, por 2 a 1, em duelo pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Coube a Tchê Tchê e Luciano marcarem os gols que findaram o incômodo jejum tricolor, no qual a equipe acumulou quatro empates e quatro derrotas. Diego Souza anotou para os gremistas.

Ao fazer as pazes com a vitória, o São Paulo chegou a 62 pontos, na quarta colocação do Nacional, o que deixa o time mais perto de conquistar uma vaga direta na Libertadores.

O próprio Grêmio era um adversário direto nesta disputa e, em caso de vitória neste domingo, empataria na classificação com os paulistas.

Daí a importância da reação do time do Morumbi, que não vencia desde 26 de dezembro, quando ganhou do Fluminense, também fora de casa. Na próxima sexta-feira (19), o São Paulo terá pela frente o clássico com o Palmeiras, no Morumbi, em partida atrasada, válida pela 34ª rodada.

Até lá, terá tempo de corrigir os erros que cometeu no primeiro tempo da partida em Porto Alegre, para não sair novamente atrás no placar.

O gol de Diego Souza, aos 32 minutos, foi resultado de uma falha de Arboleda na tentativa de cortar um cruzamento da direita. O zagueiro cabeceou fraco e a bola sobrou dentro da grande área para o atacante gremista marcar o 13º gol dele no Brasileiro, num raro lance de perigo no primeiro tempo.

O São Paulo só foi dar trabalho a Vanderlei na etapa final. Com mais ímpeto ofensivo, o São Paulo chegou ao empate aos 17 minutos, quando Tchê Tchê finalizou de fora da área e surpreendeu Vanderlei.

Desta vez, quem sentiu o golpe pelos gol foi a equipe gremista, que ainda desorganizada viu o adversário virar a partida. Luciano, em jogada individual, marcou o segundo dos são-paulinos, aos 22 minutos.

Daniel Alves ainda acertou uma bola na trave, numa demonstração de que o São Paulo tinha o controle do jogo e queria matar a partida. Para a sorte dele, o placar não mudou mais até o fim da partida.

Nos acréscimos, o Grêmio ainda ficou com um a menos, quando Pinares foi expulso, após levar o segundo cartão amarelo na partida.

GRÊMIO

Vanderlei; Victor Ferraz (Thaciano), Paulo Miranda (Pinares), Rodrigues e Diogo Barbosa; Matheus Henrique, Maicon (Lucas Silva) e Jean Pyerre (Luiz Fernando); Alisson, Pepê (Ferreira) e Diego Souza. Técnico: Renato Gaúcho.

SÃO PAULO

Tiago Volpi; Igor Vinícius, Arboleda, Bruno Alves e Reinaldo; Luan, Daniel Alves, Tchê Tchê (Hernanes) e Vitor Bueno (Jonas Toró); Luciano (Tréllez) e Gonzalo Carneiro (Galeano). Técnico: Marcos Vizolli (interino).

FICHA TÉCNICA

Grêmio 1 x 2 São Paulo

Motivo: 36ª rodada do Brasileirão

Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)

Data: 14 de fevereiro de 2021 (domingo)

Horário: às 20h30 (de Brasília)

Árbitro: Paulo Roberto Alves Junior (PR)

Assistentes: Bruno Boschilia (Fifa/PR) e Sidmar dos Santos Meurer (PR)

VAR: Adriano Milczvski (PR)

Assistentes do VAR: Lucas Paulo Torezin (PR) e Ivan Carlos Bohn (PR)

Cartão amarelo: Paulo Miranda, Diego Souza, Alisson, Pinares (Grêmio); Gonzalo Carneiro, Daniel Alves, Igor Vinícius, Tchê Tchê (São Paulo)

Cartão vermelho: Pinares (Grêmio)

Gol(s): Diego Souza, do Grêmio, aos 33 minutos do primeiro tempo, Tchê Tchê, do São Paulo, aos 17 minutos do segundo tempo, e Luciano, do São Paulo, aos 22 minutos do segundo tempo.