São Paulo cede quinteto para o time sub-20 em jogo da Copa do Brasil

O São Paulo se reapresentará desfalcado na tarde desta quarta-feira, no CCT da Barra Funda. Tudo porque o time profissional “emprestará” cinco de seus jogadores à equipe sub-20 para o jogo de volta contra o Vasco, marcado para o mesmo dia, às 17 horas (de Brasília), no Morumbi, pelas oitavas de final da Copa do Brasil da categoria. São eles o goleiro Lucas Perri, o zagueiro Éder Militão, os meias Lucas Fernandes e Shaylon e o atacante Léo Natel.

Dentre eles, Perri, Militão e Natel foram integrados pelo técnico Rogério Ceni no começo da temporada, mas ainda não estrearam profissionalmente, figurando apenas na lista de relacionados em algumas oportunidades. Já Lucas Fernandes e Shaylon possuem mais rodagem. O primeiro participa do elenco principal desde o ano passado, acumulando 17 jogos, sendo quatro em 2017, e um gol, enquanto o segundo foi promovido neste ano, no qual disputou sete partidas.

“É uma oportunidade importante, porque permite que os jogadores se mantenham com ritmo de jogo neste período. O Lucas Fernandes voltou de lesão, ficou um tempo sem jogar e agora terá esta chance de jogar. Além disso, é interessante para a categoria de base também, pelos reforços, já que o time precisa de um resultado positivo. Os garotos têm a oportunidade de ganhar ritmo de competição”, analisou Ceni.

Uma das principais revelações do CT de Cotia nos últimos tempos, Lucas Fernandes ainda não correspondeu ao esperado em 2017. Nas quatro vezes em que foi acionado, o meio-campista não agradou e agora buscará readquirir o ritmo de jogo perdido.

Ele está recuperado de um estiramento na coxa esquerda que o tirou das últimas partidas. Sua derradeira aparição foi no empate sem gols contra o Defensa y Justicia-ARG, no dia 5 de abril, pelo jogo de ida da primeira fase da Copa Sul-Americana.

A ajuda dos cinco atletas profissionais se torna ainda mais importante porque o São Paulo precisar reverter a derrota por 1 a 0 sofrida para o Vasco no duelo de ida, no Estádio São Januário, na última quinta-feira. Caso devolva o placar, a decisão da vaga será nos pênaltis. Vencendo por mais de um gol de diferença, o Tricolor avançará às quartas de final de forma direta. As entradas para o embate serão gratuitas.

Treinado por André Jardine, o São Paulo luta pelo tricampeonato da competição, já que a vencera em 2015 e 2016. Na primeira fase, a equipe eliminou o Vila Nova-GO ao vencer fora de casa por 2 a 0. O Vasco, por sua vez, superou o América-MG por 5 a 1 antes de encarar o Tricolor. O vencedor deste confronto enfrentará Goiás ou Vitória nas quartas de final.