São Paulo aguarda 'sinal verde' de Calleri para avançar em negociação

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


O São Paulo segue nos trabalhos para tentar repatriar o atacante Jonathan Calleri, que encerrou seu empréstimo no Osasuna-ESP. O argentino ainda está vinculado ao Deportivo Maldonado-URU, um clube de empresários em que o jogador nunca chegou a atuar.

> GALERIA: São Paulo supera Flamengo em Top 3; veja os clubes das Américas com mais interações no Facebook em junho

> GALERIA: Paulinho Boia, Junior Tavares… Confira os jogadores que estão emprestados pelo São Paulo

O LANCE! não teve acesso a um possível valor de pagamento do Tricolor ao Deportivo Maldonado. A reportagem apurou que o estafe de Calleri ainda não respondeu a oferta do São Paulo. Somente com uma sinalização positiva por parte do atacante, é que a diretoria vai avançar nas tratativas. É consenso por parte do Tricolor que não serão feitas loucuras financeiras.

>> Confira a tabela do Brasileirão e simule os próximos jogos

A ideia da diretoria são-paulina é adquirir uma parte dos direitos neste momento e iniciar os pagamentos apenas em 2022. Todo o restante dos direitos de Calleri seria adquirido em 2022 e os pagamentos ocorreriam de forma parcelada até 2024.

No elenco do São Paulo, o técnico Hernán Crespo conta somente com Pablo como centroavante de referência. Eder, Luciano e Vitor Bueno também compõem o ataque do Tricolor, que marcou somente dois gols em oito rodadas do Brasileirão.

Depois de sua passagem no São Paulo, Calleri atuou por West Ham-ING, Las Palmas-ESP, Alavés-ESP e Espanyol-ESP. Com a camisa tricolor, o atacante teve um ótimo desempenho e deixou saudades na torcida. foram 16 gols em 31 jogos na temporada de 2016. Por isso, não é a primeira vez que o desejo de contratá-lo volta à pauta. Resta esperar os próximos capítulos da negociação.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos