São Paulo acumula três jogos invicto, mas fecha mês com aproveitamento pior do que o alcançado em outubro

·4 min de leitura


Ainda na luta para livrar de vez o risco de rebaixamento à Série B, o São Paulo disputará os seus três últimos jogos no Campeonato Brasileiro depois de ter fechado a sua agenda deste mês de novembro com uma pequena queda de desempenho em relação ao aproveitamento que atingiu em outubro. Porém, o Tricolor vem embalado por duas vitórias e um empate e vai chegar confiante para encarar o desesperado Grêmio, nesta quinta-feira, às 20h, em Porto Alegre, em confronto válido ainda pela 35ª rodada da competição nacional.

> Veja e simule a tabela do Brasileirão

Ao bater o Sport por 2 a 0, no último sábado, no Morumbi, em duelo pela 36ª e antepenúltima jornada do Brasileirão, o time são-paulino fechou novembro com duas vitórias, dois empates e duas derrotas. Ou seja, de 18 pontos possíveis nesta sequência pelo torneio, a equipe comandada pelo técnico Rogério Ceni somou oito (44,4% do total). Já no mês passado, quando também disputou seis partidas, o clube ganhou metade (nove ou 50%) da pontuação que buscou ao contabilizar dois triunfos, três igualdades e apenas um revés.

Vale destacar que Ceni assumiu o comando do São Paulo logo depois de a equipe acumular empates com Santos (1 a 1) e Cuiabá (0 a 0) em seus dois primeiros confrontos de outubro. Após este último resultado, o clube demitiu o argentino Hernán Crespo e resgatou o ídolo tricolor, que vive a sua segunda passagem como treinador da equipe, que ele dirigiu anteriormente em 2017.

Com o ex-goleiro à frente do time de novo, o Tricolor depois obteve um empate (1 a 1 com o Ceará), duas vitórias (1 a 0 sobre Corinthians e Internacional) e uma derrota (1 a 0 para o Red Bull Bragantino) nas outras quatro partidas do mês passado, no qual desta forma marcou quatro gols e sofreu três ao total.

Em novembro, a equipe balançou as redes por cinco vezes, mas teve a sua meta vazada em seis oportunidades, sendo quatro delas na goleada por 4 a 0 que tomou do Flamengo no Morumbi. Naquele jogo, o estádio contou com o recorde de público do clube neste Brasileirão e pela primeira vez teve 100% de sua capacidade liberada aos seus torcedores, que depois também marcaram presença em grande número no local no empate por 0 a 0 com o Athletico-PR e na vitória por 2 a 0 sobre o Sport, os dois últimos compromissos da equipe.

9 GOLS MARCADOS E 9 SOFRIDOS NOS ÚLTIMOS DOIS MESES

Já nos confrontos como visitante neste mês, o Tricolor foi batido pelo Bahia (1 a 0), empatou com o Fortaleza (1 a 1) e venceu o Palmeiras (2 a 0). E se forem contabilizados todos os resultados de outubro e novembro, os são-paulinos acumularam quatro triunfos, cinco igualdades e três derrotas em 12 partidas. Assim, somaram apenas 17 pontos em 36 possíveis, um aproveitamento de 47,2% neste período, no qual marcaram nove gols e levaram outros nove.

11º MELHOR VISITANTE E 13º MELHOR MANDANTE DO BRASILEIRÃO

Instável neste Campeonato Brasileiro depois de ter "iludido" os seus torcedores com a conquista do Paulistão no primeiro semestre, quando encerrou uma fila de 16 anos sem títulos estaduais, o São Paulo ficou longe de confirmar a condição de um provável protagonista nesta edição do torneio nacional. Com 10 vitórias, 15 empates e 10 derrotas em 35 jogos realizados até aqui, o time ocupa hoje apenas a 12ª colocação da competição, com 45 pontos ganhos.

Com esta campanha modesta para as tradições vencedoras de um clube que tem seis títulos nacionais e ostenta a condição de tricampeão da Copa Libertadores e do Mundial de Clubes, o Tricolor de Rogério Ceni figura hoje como 11º melhor visitante e apenas o 13º melhor mandante deste Brasileirão.

Atuando no Morumbi, o time somou 27 pontos em 18 jogos, nos quais acumulou seis vitórias, nove empates e três derrotas (aproveitamento de 50%), com 15 gols marcados e 14 sofridos. E jogando fora de casa, o desempenho da equipe tricolor é ainda pior, embora a sua colocação neste ranking paralelo de desempenho no torneio seja melhor do que a ocupada como mandante.

Distante do seu estádio, o São Paulo fez somente 18 pontos em 17 partidas, sendo que venceu apenas quatro destes duelos, além de somar seis igualdades e sofrer sete revezes. Assim, ganhou só 35,3% da pontuação possível longe dos seus domínios, onde também fez 13 gols e tomou 19 dos seus adversários.

Com este desempenho geral decepcionante para o seu torcedor, o São Paulo fará dois jogos fora de casa e um como mandante nesta reta final do torneio. Após encarar o Grêmio nesta quinta-feira, o time vai se despedir dos seus torcedores no Morumbi na próxima segunda, às 19h, contra o Juventude, pela penúltima rodada, antes de fechar a sua campanha diante do América-MG, no dia 9 de dezembro, às 21h30, no estádio Independência, em Belo Horizonte.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos