São Paulo é eliminado, mas atuação contra o Cruzeiro traz confiança para o clássico contra o Corinthians

Zagueiro tem início promissor no Galatasaray e reforça que não tem arrependimentos na passagem pelo Tricolor

O São Paulo foi eliminado pelo Cruzeiro na quarta fase da Copa do Brasil, mas a apresentação do time comandado por Rogério Ceni na vitória por 2 a 1 no Mineirão injetou uma dose de confiança nos jogadores, comissão técnica e torcida para outro confronto decisivo que acontecerá neste domingo (20), às 16h (de Brasília), contra o Corinthians, pela semifinal do Campeonato Paulista.

No Majestoso, o Tricolor tentará reverter a mesma desvantagem de 2 a 0, dessa vez contra o rival. O volume de jogo e a atitude apresentada pela equipe contra a Raposa, porém, trazem uma autoestima para o elenco.

“Detalhe, a gente conseguiu uma boa vitória. Claro que queríamos a classificação, era importante, mas não veio. Sabemos da responsabilidade que temos domingo. Vamos trabalhar forte. Vai ser um jogo difícil, mas se jogarmos do mesmo jeito temos tudo para conseguir uma vitória... Nunca duvidei desse time. Nunca vou duvidar porque podemos chegar longe em qualquer competição. Mostramos isso hoje. Foi puro detalhe. Vamos sempre buscar o resultado”, afirmou Gilberto em entrevista à ESPN.

O jogo ainda serviu para apresentar novas alternativas para Rogério Ceni. O estreante Morato, ex-Ituano, fez uma boa partida. Foi dele a assistência para o gol de Lucas Pratto, que depois de algumas atuações sem muito brilho voltou a ser o grande destaque do Tricolor. Artilheiro da equipe em 2017, Gilberto entrou no segundo tempo e guardou o dele.

Não podemos dizer que o São Paulo saiu contente de Belo Horizonte pelo fato de não ter conseguido a vaga, mas o time chega com outro ânimo para o duelo em Itaquera, enquanto o Corinthians, mesmo com boa vantagem, entra pressionado por ter sido eliminado em casa pelo Internacional também pela Copa do Brasil.