Rumo ao G4: empurrado pela torcida, Vasco supera o Goiás e engata a segunda vitória seguida na Série B

·2 minuto de leitura


O Vasco respira. Com pouco mais de três mil pessoas em São Januário, o time da casa superou o Goiás, engatou a segunda vitória seguida e abriu a 27ª rodada encurtando a distância para o G4 da Série B do Campeonato Brasileiro. Falta muito, mas é permitido sonhar. Morato e Gabriel Pec marcaram no 2 a 0.

SUSTO DE UM LADO, CHANCES DO OUTRO
A primeira oportunidade mais clara do jogo foi do time visitante. Aos seis minutos, Alef Manga cruzou e Apodi, de cabeça, acertou o travessão. Mas o domínio era do dono da casa. Morato já havia tentado de cabeça, Ricardo Graça também gerou perigo e, com um chute frontal, Marquinhos Gabriel tirou tinta da trave direita de Tadeu. Bruno Gomes também teve chance.

AGORA SIM!
O domínio do Vasco virou gol aos 29 minutos, quando Marquinhos Gabriel lançou Riquelme que cruzou com açúcar para Morato cabecear. Festa da torcida presente.As duas equipes tiveram criaram outras jogadas até o fim do primeiro tempo, mas o placar seguiu 1 a 0.

DE NOVO VASCO
O placar foi alterado, na verdade, no início do segundo tempo. Aos três minutos, Nene cruzou e Gabriel Pec testou para a rede. O 2 a 0 deu tranquilidade ao Cruz-Maltino, e o Esmeraldino passou a ter mais posse de bola, mas não conseguiu transformá-la em chances efetivas.

CHANCES VERDES
O gol do Goiás parecia desenhado aos 30, quando, depois de cruzamento da direita, Aleg Manga chutou de primeira. Vanderlei fez a defesa. Sete minutos depois, o cruzamento foi da esquerda, e Nicolas cabeceou com perigo, mas para fora. E nada de mais relevante foi visto. Segunda vitória seguida do time de São Januário, que enfrenta o Confiança, no próximo domingo.

-> Confira a tabela da Série B do Campeonato Brasileiro

FICHA TÉCNICA
VASCO 2 X 0 GOIÁS


Data/Hora: 27/9/2021, às 20h
Local: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Público/renda: 3.178 pagantes (3.189 presentes) / R$ 55.949
Árbitro: Ramon Abatti Abel (SC)
Assistentes: Henrique Neu Ribeiro (SC) e Helton Nunes (SC)
VAR: Braulio da Silva Machado (FIFA-SC)
Cartões amarelos: Walber, Zeca e Nene (VAS); Caio e Bruno Mezenga (GOI)
Cartões vermelhos: Não houve
Gols: Morato (aos 29'/1ºT 1-0), Gabriel Pec (aos 3'/2ºT 2-0)

VASCO: Vanderlei, Zeca, Ricardo Graça, Leandro Castan e Riquelme (Walber, 36'/2ºT); Bruno Gomes (Romulo, 24'/2ºT); Morato, Andrey (Gabriel Pec, 42'/1ºT, depois Léo Jabá, 36'/2ºT), Nene e Marquinhos Gabriel; Cano (Daniel Amorim, 36'/2ºT) - Técnico: Fernando Diniz.

GOIÁS: Tadeu, Apodi (Dadá Belmonte, 23'/2ºT), Matheus Salustiano (Ivan, 29'/2ºT), Reynaldo e Artur; Fellipe Bastos, Caio (Iago Mendonça, 30'/2ºT) e Elvis (Luan Dias, 23'/2ºT); Dieguinho, Nicolas e Alef Manga (Bruno Mezenga, 40'/2ºT) - Técnico: Marcelo Cabo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos