Rubens Menin revela que existem oito investidores interessados na SAF do Atlético-MG

Rubens Menin é um dos mecenas do Atlético-MG - (Divulgação/MRV)


O Atlético-MG tem tentado avançar na transformação em clube-empresa e na adesão da lei da SAF. Apesar de ter poucos pontos realmente discutidos na reunião do Conselho Deliberativo desta segunda-feira (21) sobre o assunto, foi revelado por Rubens Menin, um dos mecenas do Galo, que existem oito investidores interessados na SAF do clube, e que um "está na frente".

- Tem oito investidores interessados (na SAF do Atlético-MG). Um está na frente. Perfil do mais alto nível. - disse Rubens Menin.

Um dos principais pontos discutidos na reunião do Conselho foi a revogação do nome do novo estádio do Atlético. Antes, Elias Kalil, ex-presidente do Galo e pai de Alexandre Kalil, seria o nome de batismo da Arena MRV, mas a decisão foi revogada. Na reunião, Alexandre Kalil chegou a ser vaiado em seu discurso, momento que foi minimizado por Rubens Menin.

- Ninguém quer briga não. Todo mundo quer união, 99% quer união, quem não quer é muito pouco e não reflete os interesses do conselho. (...) Projeto está indo bem, feito com serenidade. Não é fácil, mas sou otimista que vai dar certo. - disse Menin.

Na saída da reunião do Conselho, Alexandre Kalil chegou a dizer que as decisões do Conselho do Atlético-MG podem ser levadas à justiça, e colocou em xeque a validade da SAF.

- Tem um conselho que está confessamente irregular. Quem vai querer uma SAF com um conselho irregular? Tem conselheiro que não é sócio a dois anos. São 50. Gente que pediu a retirada do nome nem conselheiro podia ser. É uma confraria de bons amigos - disse Kalil.