Ronaldo marca, deixa campo antes do fim e Portugal leva virada da Suécia

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Sem jogos pelas eliminatórias europeia para a Copa neste meio de semana, as principais seleções do continente entraram em campo para amistosos. E na cidade de Funchal, Portugal acabou superado pela Suécia, de virada, por 3 a 2, com um gol no último minuto.

A virada sueca aconteceu em um momento em que Cristiano Ronaldo já não estava em campo, uma vez que atuou por 59 minutos até ser substituído.

O astro do Real Madrid, que voltou à Ilha da Madeira - sua terra natal - abriu o placar logo aos 18 minutos de jogo ao completar para a rede um cruzamento na medida de Gelson Martins.

O segundo gol de Portugal veio aos 34 minutos, com Granqvist, contra. O defensor sueco tentou cortar um cruzamento rasteiro de Gelson Martins e acabou traindo o goleiro Johnsson.

No segundo tempo, os portugueses não mantiveram o mesmo nível de pressão nos minutos iniciais e permitiram que a Suécia diminuísse rapidamente. Claesson recebeu sozinho dentro da área e só teve o trabalho de tira a bola do goleiro Marafona.

Na sequência, aos 14 minutos, Cristiano Ronaldo deu lugar a Ricardo Quaresma e deixou o gramado ovacionado pelos torcedores que lotaram o Estádio dos Barreiros.

Sem seu astro, Portugal pouco criou e foi castigado com o gol de empate sueco. Claesson, que já havia anotado o primeiro, voltou a deixar a sua marca aos 31 minutos.

Quando tudo parecia caminhar para o empate, a Suécia chegou ao triunfo com um gol contra de Cancelo aos 48 minutos do segundo tempo.

Ambas as seleções só voltam a campo agora em junho, pelas eliminatórias. Portugal vai enfrentar a Letônia, fora de casa, no dia 9. Os portugueses são segundo colocados do Grupo B com 12 pontos, três a menos do que a Suíça.

A Suécia, segunda colocada do Grupo A, com 10 pontos, recebe a líder França também no dia 9.