Roma dá prazo para o Palmeiras aceitar proposta por Viña. Saiba os detalhes

·1 min de leitura
Viña, em ação pelo Palmeiras. Foto: Jorge Rodrigues/AGIF
Viña, em ação pelo Palmeiras. Foto: Jorge Rodrigues/AGIF

A Roma quer contratar Viña. O lateral uruguaio foi aprovado pelo técnico José Mourinho e o clube italiano ofereceu dez milhões de euros, mais bônus por metas estabelecidas ao jogador. A cúpula palmeirense pediu 15 milhões de euros. O Palmeiras tem 60% dos direitos econômicos e Viña tem contrato até dezembro de 2024.

Leia também:

Uma pessoa ligada ao atleta revelou ao blog que há "80% de chances" do negócio ser realizado, mesmo com essa diferença financeira na abertura das conversas. A Roma quer uma definição até segunda-feira(19/07).

Viña manifestou desejo de se transferir, segundo os envolvidos na negociação. Ele fará 24 anos, em novembro. Viña chegou ao Palmeiras, em janeiro de 2020, e já disputou 69 jogos, com cinco gols marcados. Na Seleção do Uruguai, foram 16 participações.

>> Ouça o 'Segunda Bola', o podcast do Yahoo com Alexandre Praetzel e Jorge Nicola

Se o Palmeiras entrar em acordo com a Roma, deve partir para a contratação de um outro lateral-esquerdo.