Roma bate HJK fora de casa pela Europa League e segue na briga por vaga no mata-mata

Roma vence HJK e vai decidir vaga no mata-mata em casa (EMMI KORHONEN / LEHTIKUVA / AFP)


A Roma viajou até a Finlândia e bateu o HJK Helsinki por 2 a 1 pela 5ª rodada da fase de grupos da Europa League. Com o resultado, a Roma segue viva na briga pela classificação para o mata-mata, que se definirá na última rodada. Abraham e Hosconen (contra) marcaram os tentos romanistas.


NA TRAVE!
O primeiro tempo em si teve poucas chegadas de perigo das duas equipes. Somente aos 20 minutos, a Roma assustou. Após cobrança de Cristante em lance de escanteio, mas a bola explodiu no travessão.

ANULOU!
Os romanistas voltaram a usar da mesma arma na marca dos 29 minutos. Pellegrini levantou a bola na área e desta vez, Cristante tocou para dentro do gol, mas o juiz anulou o gol após revisão feita pelo VAR.

+ Clube paulista tem plano por Gatito, Bruno Guimarães na mira de gigantes … o Dia do Mercado!

TAMMY PARA O GOL
E foi novamente em lance de bola parada, só que desta vez, foi em cobrança de falta, na marca dos 41 minutos. O cruzamento foi feito na área e Tammy Abraham subiu bonito para desviar de cabeça e mandar para o fundo da rede. 1 a 0.

EMPATE FINLANDÊS
Na primeira jogada de ataque do segundo tempo, o HJK chegou ao empate. Hetemaj recebeu na entrada da área sob marcação, encontrou espaço e bateu rasteiro no canto para deixar tudo igual na partida.

ROMA NOVAMENTE NA FRENTE
​A Roma retomou a dianteira do placar com um vacilo da equipe do HJK com 17 minutos. Após cruzamento feito por Kamara buscando Abraham por baixo, mas o zagueiro Attu Hoskonen desviou a bola contra o próprio gol.

GOLAÇO ANULADO
​Após um lance de bola parada, a bola sobrou fora da área para David Browne, que acertou um balaço no ângulo aos 34 minutos. Uma senhora paulada, mas o tento acabou por ser anulado por falta no lance anterior.

Agora, a Roma vai em busca da classificação em um duelo direto contra o Ludogorets em casa em uma decisão importante com o apoio da torcida Giallorossa. Neste caso, só a vitória interessa para José Mourinho e seus comandados.