Romário escreve carta de incentivo para Neymar antes da estreia na Copa do Mundo

Romário escreveu carta para Neymar (Foto: REUTERS/Ueslei Marcelino)
Romário escreveu carta para Neymar (Foto: REUTERS/Ueslei Marcelino)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A três dias da estreia da seleção brasileira na Copa do Mundo do Qatar, contra a quinta-feira (24) contra a Sérvia, o ex-atacante e atual senador Romário escreveu uma carta de incentivo para Neymar.

O Baixinho publicou sua carta no The Players Tribune Brasil, um site criado para os esportistas ficarem mais próximos dos fãs, e divulgou em suas redes sociais.

No longo texto, Romário elogiou o camisa 10 da seleção de Tite e destacou a importância que ele tem para o futebol brasileiro voltar a conquistar uma Copa do Mundo. Para isso, pediu que o atacante relevasse as críticas que costuma receber.

Leia também:

"Numa boa, faça a sua parte dentro de campo e tente esquecer o resto, todo esse barulho que vem de fora. É o que sempre falo: quem precisa ter boa imagem é aparelho de TV. Continue não dando importância para o que os outros vão comentar sobre você. A torcida brasileira, muitas vezes, não sabe como é difícil disputar em alto nível uma Copa, um torneio que não dá chance pra erro", escreveu.

Um ponto que Romário insistiu foi sobre o jogo em equipe. Ele listou as dificuldades que enfrentou antes e durante a Copa dos EUA, em 1994, e deixou claro que a conquista do tetracampeonato só foi possível pela união e pela cumplicidade dos jogadores.

"Mas aqui tem um ponto que eu gostaria de reforçar. Mais do que ninguém, é impossível conquistar qualquer coisa sozinho. Eu sei que você sabe disso."

O ex-jogador também disse que faria tudo igual se pudesse voltar no tempo, afirmando que tudo o que passou fez parte do seu crescimento.

"Fiz minha história e tenho certeza que você fará a sua. Não devemos nada pra ninguém e a torcida brasileira está sempre com a gente quando percebe o nosso comprometimento, a nossa entrega, o nosso tesão pela vitória. Eu gosto de jogo assim. E tenho certeza que você também gosta. Então, quando penso nisso, lembro que você estará em campo e meu coração fica em paz. Porque sei que você representa o espírito e o futebol que todos nós, brasileiros, gostamos de ver. Que vai bater no peito e pedir a bola na hora que a seleção mais precisar. Que ninguém mais do que você merece trazer esse hexa pra casa. Agora é sua vez, parceiro! Confio em você. Ou melhor, o Brasil confia em você", finalizou.