Rogerinho vence fácil e vai à final do Challenger do Panamá

Enquanto alguns brasileiros disputam a Copa Davis, Rogerinho Dutra está focado no Challenger do Panamá. E está se saindo bem. Nesta sexta-feira, ele encarou o dominicano Victor Estrella, pelas semifinais do torneio, e venceu sem grandes dificuldades, por 2 a 0 (6/3 e 6/4).

O resultado garantiu Rogerinho na grande final do torneio. 83º colocado o ranking da ATP,  ele decide o título com o vencedor do duelo entre Pedja Krstin (424º) e Henri Laaksonen (116º), que se enfrentam nesta noite.

Diante do 87º colocado do mundo, o brasileiro não teve grandes dificuldades e não quis perder tempo para sair com a vitória. Fechou o primeiro set com quebrando o saque do oponente no quinto e nono games, em apenas 37 minutos, e encaminhou a vitória na parcial seguinte conquistando a quebra no 10º game, depois de 43 minutos.

A facilidade do confronto desta noite venho para compensar o desafio de Rogerinho nesta quinta-feira. Pelas quartas de final, ele encarou o esloveno Blaz Rola e precisou de 2h30 para avançar no torneio, depois de ter saído atrás no primeiro set.