Rogerinho sobe 14 posições e atinge melhor ranking da carreira

A atualização do ranking mundial desta segunda-feira foi favorável aos tenistas brasileiros. Quem mais se destacou foi Rogério Dutra Silva, que subiu 14 posições após o título do Challenger da Cidade do Panamá. Com isso, o paulistano aparece em 69º, melhor ranking de sua carreira.

Apesar de conquistar vários postos, Rogerinho segue como segundo melhor tenistas do País, já que Thomaz Bellucci permanece como número 1 do Brasil, após subir dois lugares e aparecer em 65º. Já Thiago Monteiro continua na mesma colocação, em 81º. Já João Souza, o Feijão, agora é o 138º, duas posições acima de seu posto anterior.

No ranking de duplas, Marcelo Melo e Bruno Soares, que defenderam o Brasil na Copa Davis no último fim de semana, competição que não soma pontos no ranking mundial, permaneceram com seus postos anteriores. Melo é o sexto, enquanto Soares é o nono.

No feminino, Beatriz Haddad Maia, melhor tenista do Brasil, ganhou quatro postos e agora é a 153ª da WTA. Paula Gonçalves também ganhou uma posição e é a 180º. Já Teliana Pereira, que já foi a 43ª do mundo, hoje é apenas a 207ª, três posições abaixo de sua colocação anterior.

Na parte de cima dos rankings mundiais, não aconteceram mudanças significativas, já que a última semana foi marcada pela disputa da Davis, que não vale pontos, e muitos dos principais tenistas do mundo sequer entraram em quadra. Na próxima semana, os atletas disputam o Masters 1000 de Monte Carlo.