Roger: 'Temos que voltar a vencer clássico. Isso está nos incomodando'

Felippe Rocha
Centroavante do Botafogo fez dois gols contra o Fluminense, nesta quinta-feira. Glorioso, porém, empatou com o Vasco e perdeu para o Flamengo neste Campeonato Carioca

Foi o terceiro clássico do Botafogo no ano. No primeiro, derrota do time reserva para o Flamengo; no segundo, empate com o Vasco; nesta quinta-feira, a equipe perdeu de virada para o Fluminense após abrir dois gols de vantagem. O centroavante Roger, que fez esses dois gols, admite que a equipe quer apagar logo esta imagem.

- Temos que voltar a vencer clássico, isso está nos incomodando - disse, antes de completar:

- Temos que analisar jogo a jogo. Contra o Flamengo, os titulares foram poupados. Todos aqui defendem a mesma camisa. Mas se há uma equipe titular, é porque está melhor do que os que não estão jogando. Contra o Vasco, tivemos as melhores chances. E ontem, contra o Fluminense, um grande treinador, o Abel Braga, que tem todo meu respeito e carinho por ter me dado a primeira oportunidade (na Ponte Preta). Ontem teve o dedo dele. Ele fez as alterações e fez toda a diferença - entende o centroavante.

A última vitória do Botafogo em clássicos foi no dia 7 de setembro do ano passado. Contra o mesmo Fluminense, Neilton garantiu o 1 a 0. Roger explica que a experiência do grupo alvinegro não transforma esse mau retrospecto recente em tabu. Mas admite que os jogadores querem acabar logo com isso.

- Não é algo que me incomode, não tira o meu sono. É óbvio que ninguém gosta, mas nós já provamos o que podemos fazer. Está em nossas mãos ainda, dentro do planejamento - analisa.








E MAIS: