Roger Machado explica titulares poupados: “Decisão técnica e física”

Quando saiu a escalação do Atlético-MG para o jogo contra o Sport Boys-BOL, na noite desta quarta-feira, vários torcedores não entenderam. Atletas importantes como Fred e Robinho, cobiçados no desembarque do Galo no país vizinho, ficaram no banco de reservas, apenas aguardando serem chamados.

Além disso, o treinador alvinegro decidiu mandar ao jogo um esquema com três volantes, dando a entender que entraria mais fechado para segurar o resultado. O que se viu em campo, porém, foi um amplo domínio do Galo, do início ao fim, com o time mais solto com a entrada de Elias, determinando a goleada de 5 a 1, que colocou o clube na liderança do grupo.

O técnico Roger Machado, no entanto, garantiu que as substituições tiveram objetivo de dar descanso para seus jogadores titulares e buscar a vitória por ter atletas com rotina de jogos menos intensa.

“Não foi uma preservação para o fim de semana (Cruzeiro, no Independência, pela final do Campeonato Mineiro), foi entendendo o desgaste da sequência de alguns, e a oportunidade de colocar jogadores descansados para aumentar a chance de vitória. Não estava pensando em preservar para o clássico, queria vencer hoje”, ressaltou.

Roger disse que o Galo foi à Bolívia com a expectativa de triunfar para ficar cada vez mais próximo do classificação para as oitavas da Libertadores. “A gente entendia que era importante vencer hoje. Tirar alguns considerados titulares não é diminuir a partida, nem desqualificar adversário. Hoje deu certo, quando não dá pode se pensar que está inventando. A gente tem que ter convicção. Foi decisão técnica e física”, enfatizou.

Para se classificar, o Galo depende apenas de uma vitória simples do Godoy Cruz-ARG sobre o Libertad-PAR, na noite desta quinta-feira. O treinador ressaltou que o Galo está próximo do primeiro objetivo da temporada e prefere aguardar para começar a sonhar com a primeira colocação do grupo.

“O objetivo de classificar em primeiro é claro, dá vantagens nas fases seguintes, temos que brigar até o último momento. Demos um passo importante, agora temos que consolidar e depois ter o objetivo de ser primeiro, mas isso é depois”, finalizou.