Roger Hodgson vem ao Brasil em maio

Yahoo Vida e Estilo
Roger Hodgson tocará no Brasil em 2020 (Foto: Divulgação)
Roger Hodgson tocará no Brasil em 2020 (Foto: Divulgação)

Uma das vozes mais marcantes do rock progressivo vai ecoar no Brasil em maio. Roger Hodgson, 69, vem ao país, e os fãs nem precisam se preocupar se ele cantará clássicos do Supertramp, banda em que se tornou famoso. O repertório das apresentações será centrado nos temas mais conhecidos do grupo.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Segue a gente!

Hodgson chega três anos depois de sua última visita. Em 2017, o cantor e tecladista se apresentou em sete cidades. A relação de datas e locais da nova turnê brasileira deve ser logo anunciada.

Roger desembarca no país após participar do Rock Cruise, na Flórida, no final de fevereiro. Trata-se de um cruzeiro em que o público assiste vários shows de artistas de rock ao longo do trajeto, e que já está com lotação esgotada.

Carreira solo

Roger Hodgson gravou com o Supertramp clássicos como "Breakfast in America", "The Logical Song", "Dreamer" e "Take the Long Way Home" e "Give a Little Bit", entre outras que também marcaram a trajetória do grupo.

Mas, em 1983, o músico deixou a banda e partiu para uma carreira solo que, logo de cara, já lhe deu dois hits: "Had a Dream" e "In Jeopardy", faixas do álbum "In The Eye of the Storm", lançado no ano seguinte.

Continuidade

O Supertramp continua na ativa. Rick Davies, que já dividia os vocais com Hodgson, cumpre essa função com o também vocalista Jesse Siebenberg, filho de Bob Siebenberg, baterista do grupo.
O saxofonista John Helliwell, outro da formação clássica, também ainda está na banda.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também