Roger estreia com missão de colocar Fluminense nos trilhos e dar cara ao time antes da Libertadores

LANCE!
·3 minuto de leitura


Vai começar a Era Roger Machado no Fluminense. Neste domingo, o treinador assume o comando do time pela primeira vez para o clássico com o Flamengo, às 18h, no Maracanã, em partida com transmissão em tempo real do LANCE!. Além da recuperação do Tricolor após duas derrotas e zero pontos no Campeonato Carioca, o novo técnico, na companhia de Marcão, começará a dar sua cara ao time, que tem pouco mais de um mês até a data de estreia na fase de grupos da Libertadores.

> Fluminense é o grande há mais tempo sem conquistar o Carioca: relembre as campanhas dos últimos 20 anos

O primeiro treinamento comandado por Roger foi no dia 2 de março, quando os atletas se reapresentaram após quatro dias de folga. A ideia inicial era se preparar para caso houvesse a necessidade de disputar a segunda fase da competição continental, mas tudo acabou dando certo para o Flu, que deu férias de uma semana à maior parte do grupo. Agora, a primeira partida no torneio será apenas entre 20 e 22 de abril. O sorteio dos grupos é dia 9.

Veja a tabela do Campeonato Carioca

– O Roger é um cara muito positivo, ele procura que o time tenha intensidade, os treinos são muito fortes. A gente está se adaptando rápido à ideia dele. Marcão ainda está no time. Roger está seguindo a mesma linha do que fez o Marcão, com alguma mudança que está colocando na gente. Acho que os dois são muito bons treinadores, estão sempre em cima da gente, tratando que o time melhore, que seja um time de iniciativa, que jogue no campo do adversário sempre. É uma dupla muito boa para os jogadores e que tem muita qualidade - disse o meia-atacante Michel Araújo.

Roger Machado também acompanhou os treinamentos dos garotos de Ailton Ferraz, do Sub-23, e assumiu as atividades desde a última terça-feira para começar a esboçar sua equipe para o clássico. Os únicos que serão mantidos são Frazan, André e Paulo Henrique Ganso, mas o novo treinador terá grande parte dos jovens à disposição no banco, já que todos os profissionais que escolheram não entrar de férias serão titulares, exceto por Wellington, reforço da equipe para esta temporada.

Como o próprio treinador já falou anteriormente, a ideia é manter um estilo de jogo parecido com o que era utilizado por Marcão, membro da comissão técnica permanente. Mesmo assim, é possível que os profissionais experimentem a mesma dificuldade dos jovens: a falta de entrosamento. Isso porque alguns garotos atuavam em categorias diferentes muitas vezes e os mais velhos raramente jogaram juntos, já que são reservas.

Independentemente de quem joga, o Fluminense busca recuperação no Carioca. Até o momento, foram derrotas para o Resende, por 2 a 1, e para a Portuguesa, por 3 a 0, ambos no Maracanã. O Tricolor é o lanterna da Taça Guanabara, que terá 11 rodadas no total. O primeiro colocado leva o título do primeiro turno e os quatro melhores disputam entre si o campeonato Estadual.