Rodrigo Lasmar, do Atlético-MG, detalha situações de lesionados do clube

Rodrigo Lasmar também é médico da Seleção Brasileira - (Foto: Divulgação)


Com a aproximação do fim da temporada de 2022, o Atlético-MG já sabe que não poderá contar com alguns jogadores até o ano que vem. Em entrevista após a vitória por 1 a 0 contra o Juventude desta quinta-feira, Rodrigo Lasmar, médico do clube, detalhou as situações dos lesionados.

Hulk

Hulk teve uma lesão na panturrilha que não permitirá que o atacante jogue o final da temporada do Atlético-MG. De acordo com Rodrigo Lasmar, é esperado que o camisa 7 atleticano retorne aos gramados no início da temporada de 2023.

Guilherme Arana

Guilherme Arana teve lesão multiligamentar, comprometendo os ligamentos cruzado posterior e colateral medial, além de ruptura no menisco medial e na cartilagem, o que o tirou da Copa do Mundo do Catar. Rodrigo Lasmar não deu tempo de recuperação por ser uma lesão incomum no futebol, e informou que o jogador deve voltar a pisar no chão na próxima semana.

Igor Rabello

O zagueiro Igor Rabello teve ruptura do ligamento cruzado anterior do joelho e lesão no menisco medial, ambas na perna esquerda. Rodrigo Lasmar informou que o tempo de recuperação médio é de oito meses, e que o jogador já cumpriu dois.

Pedrinho

A situação de Pedrinho é a que deixa o médico do Atlético-MG mais otimista. O meia-atacante teve lesão muscular na parte posterior da coxa direita, com ruptura do tendão. Rodrigo Lasmar revelou que o jogador já está na fase final de recuperação, e que deve iniciar a transição física em breve.