Roberto Mancini revela desejo de treinar seleção italiana

Sem assumir um time desde que acabou se desligando da Inter de Milão, Roberto Mancini não escondeu seu desejo de assumir a seleção italiana. Mirando um retorno à beira dos gramados, o treinador campeão inglês com o Manchester City na temporada 2011/12 sabe que provavelmente só irá trabalhar novamente no segundo semestre deste ano, quando inicia a nova temporada do futebol europeu.

“Veremos o que vai acontecer, o que vai chegar de bom. Se a Itália é uma seleção motivadora e algo romântico? Por um tema romântico gostaria de treinar a Azzurra. Por muitos motivos”, disse Mancini em entrevista ao jornal La Gazzetta dello Sport.

Roberto Mancini também comentou sobre sua passagem recente pela Inter de Milão. O treinador acabou demitido após não aceitar uma proposta de renovação até 2019 por conta da pouca autoridade que possuía para indicar contratações.

“Foi uma boa experiência. Trabalhei um ano e meio, construímos uma boa equipe e logo as coisas se romperam porque não havia condições adequadas para trabalhar bem e juntos. Quando se está em um momento de mudança e chegam outros proprietários do clube que vem de outro continente e não saber muito do futebol italiano, fica mais difícil de trabalhar. Entendemos que era melhor nos separarmos”, comentou o técnico que em sua primeira passagem conquistou o tricampeonato italiano, duas Copas da Itália e outras duas Supercopas da Itália.