Sem Rithely e com estreia de Mena, Sport visita o Boavista

O Boavista recebe o Sport nesta quarta-feira no Estádio Elcyr Resende (Bacaxá), em Saquarema (RJ), às 21h45 (de Brasília), pelo confronto de ida da terceira fase da Copa do Brasil. O time da Região dos Lagos do Rio de Janeiro eliminou a Portuguesa de Desportos ganhando por 2 a 0 na etapa anterior, o que surpreendeu a muitos. Já o Leão da Ilha vem de derrota por 2 a 1 para o Náutico no Campeonato Pernambucano.

O jogo de volta entre os dois times será no dia 15 de março, na próxima semana, na Ilha do Retiro.

Além de não poder contar com Marquinhos, que sofreu uma lesão muscular grave e será desfalque por dois meses, o treinador Daniel Paulista não terá a sua disposição o meia Rithely e o lateral esquerdo Mansur. Rodrigo e Mena, que fará a sua estreia, serão os substitutos respectivamente.

Apesar da derrota no Clássico dos Clássicos, o técnico do Sport não vê motivo para desespero. “Foi a nossa primeira derrota no ano e não vejo motivo para desespero. Já viramos a chave e estamos todos focados no jogo contra o Boavista, pois tem caráter eliminatório”, disse Daniel Paulista.

O atacante Leandro Pereira mostrou uma postura similar. “Foi uma derrota bastante sentida por todos. Mas que, de certa forma, veio em um momento onde dá tempo de a gente parar, respirar, e ver o que tem feito de errado. Precisamos corrigir algumas coisas, mas é importante frisar que o grupo está totalmente focado, e que são coisas que acontecem no futebol”, disse ele. “Em time grande sempre vai haver críticas, pressão. O torcedor está no direito de cobrar. Mas torno a dizer que todo mundo está trabalhando sério aqui. Foi apenas a primeira derrota, que tem um peso a mais por ser um clássico. O Daniel está nos ajudando muito, tem nos passado muitas coisas boas, confiança”.

Já Joel Santana, técnico do Boavista, quer mostrar a seus jogadores que é possível ir longe na Copa do Brasil e fazer história, pois entende que sua equipe tem condições de jogar de igual para igual com qualquer rival.

“Temos condições de fazer um grande jogo e conseguir o resultado positivo. O Boavista tem um time experiente e os jogadores estão muito animados com a possibilidade de fazer história na competição. Esse jogo para nós é uma decisão, pois temos que conquistar um grande resultado”, avisou Joel.

O volante Vitor Faiska também acredita em um bom resultado, mas ressalta a dificuldade do adversário. “Estamos concentrados em fazer uma boa semana de preparação para o jogo. Vamos trabalhar forte para sair na frente nessa primeira partida, o que seria fundamental. Sabemos da força deles quando jogam dentro de casa”, declarou. “Queremos dar sequência. Passamos por Ceará e Portuguesa, que são duas equipes fortes e tradicionais. Mas jogar contra o Sport será ainda mais difícil, pois se trata de um time da primeira divisão. Não podemos relaxar, achar que já fizemos muito. Vamos lutar pela classificação”

Para buscar uma vitória, o Boavista conta um elenco experiente, recheado de atletas que já atuaram em grandes clubes, como o goleiro Felipe, ex-Flamengo e Corinthians, o zagueiro Antônio Carlos, ex-Botafogo e Fluminense, e o meia Fellype Gabriel, que já defendeu Flamengo, Botafogo e Vasco.

Joinville recebe o Gurupi

Após ficar na penúltima colocação do primeiro turno do Campeonato Catarinense, o Joinville receberá o Gurupi em jogo válido pela terceira rodada da Copa do Brasil, nesta quarta-feira, às 20h30. O jogo de volta está marcado para o dia 15 de março e o horário será o mesmo do primeiro confronto.

Enquanto o JEC superou o Comercial e o São Raimundo-PA nas duas primeiras rodadas, os visitantes superaram o Rio Branco-AC e o Londrina, que vem sendo um time que faz partidas difíceis contra os grandes nos últimos anos.

Goiás encara o Cuiabá

O Goiás irá enfrentar o Cuiabá, nesta quarta-feira, às 19h30, no Serra Dourada, em jogo válido pela terceira fase da Copa do Brasil. A partida de volta será na Arena Pantanal, na quinta-feira, dia 16 de março, às 21h30.

O Esmeraldino chegou até a terceira fase após vencer o Itabaiana e o Boa Esporte nas duas fases anteriores. Já o Cuiabá foi o responsável de uma das grandes zebras, já que eliminou a Ponte Preta na segunda fase, após abrir a competição com vitória sobre a Rondoniense.