Rickson não bate meta no América-MG e deve retornar ao Botafogo

Sergio Santana
LANCE!


Se Fernandes vai embora por não ter o contrato renovado, o Botafogo terá um jogador retornando ao clube após a pandemia. Trata-se de Rickson, que será devolvido ao Alvinegro pelo América-MG por não ter cumprido uma meta prevista no empréstimo realizado no começo do ano. O jogador voltará a ter vínculo com o Alvinegro, oficialmente, a partir da próxima sexta-feira.

Inicialmente, Rickson foi emprestado ao Coelho até o final do Campeonato Mineiro - ou dia 30 de abril, já que a competição está paralisada pelo COVID-19. O contrato tinha uma cláusula de renovação automática caso o meio-campista participasse - como titular ou entrando no decorrer das partidas - de metade dos jogos da equipe na temporada, o que não aconteceu.

Rickson entrou em campo em quatro oportunidades na temporada, mas o América-MG jogou 12 vezes. Desta forma, o contrato prevê que o jogador de 22 anos será devolvido ao Botafogo.



No América-MG, Rickson foi uma indicação de Felipe Conceição, o Tigrão, com quem havia trabalhado nas categorias de base do Botafogo. Com a demissão do treinador e a chegada de Lisca, ainda em janeiro, contudo, o jogador perdeu espaço no Coelho.

Porém, isso não quer dizer que Rickson não voltará a vestir a camisa verde e preta em 2020. A diretoria do América-MG entrou em contato com o estafe do jogador afirmando que possui o desejo de contar com ele quando tudo for normalizado, mas que não vai exercer a opção de estender o empréstimo agora para enxugar a folha salarial - os vencimentos do atleta eram pagos de forma integral pela equipe mineira.

Quando as competições voltarem, portanto, é provável que o América-MG abra negociações com o Comitê Executivo do Botafogo para um possível novo empréstimo de Rickson. Por agora, todavia, o meio-campista retornará ao clube de General Severiano.




Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também