Richarlison protesta nas redes sociais no Dia da Consciência Negra

LANCE!
·1 minuto de leitura


O jogador Richarlison utilizou suas redes sociais no Dia da Consciência Negra para desabafar em relação a um caso de racismo ocorrido em Porto Alegre. Um homem negro foi espancado até a morte por dois seguranças brancos de uma rede de supermercados.

- Parece que a gente não tem saída... Nem no Dia da Consciência Negra. Alias, que consciência? Mataram um homem negro espancado na frente das câmeras. Bateram e filmaram. A violência e o ódio perderam de vez o pudor e a vergonha. George Floyd, João Pedro, Evaldo Santos foram em vão?

ENTENDA O CASO

João Alberto Vieira Freitas, conhecido como Beto, de 40 anos, foi espancado por dois seguranças da rede de supermercados Carrefour, no bairro Passo D'Areia, em Porto Alegre. Vídeos mostravam um segurança o agarrando pelas costas, enquanto outro agredia o cidadão. Ambos irão responder por homicídio por asfixia por dolo eventual

Em nota, o Carrefour informou que irá entrar com uma queixa-crime contra os responsáveis, além de romper contrato com a empresa em que os seguranças trabalhavam. Um deles é policial militar e estava fora do horári ode serrviço.