Ricardo Goulart está próximo de deixar o Guangzhou Evergrande e pode retornar ao Brasil

·1 min de leitura


O atacante Ricardo Goulart encaminhou sua rescisão contratual com o Guangzhou Evergrande, da China, e pode retornar ao Brasil em 2022, segundo o "GE". O atacante estará livre no mercado e deve buscar um novo clube durante a janela de transferências de janeiro.

De acordo com as informações apuradas pelo portal, a ideia do veterano de 30 anos é atuar em uma equipe do futebol brasileiro. Paulo Pitombeira, empresário do artilheiro, afirmou que o atleta pode seguir os mesmos passos de Renato Augusto e Roger Guedes, que recentemente deixaram a China.

O Guangzhou Evergrande, clube de Ricardo Gourlart, vive um momento de incertezas por conta da crise que enfrenta a Evergrande, empresa do ramo imobiliário, por conta de dívidas exorbitantes. Recentemente, o Jiangsu Suning encerrou suas atividades por conta da crise na Suning.

Vencedor de oito títulos enquanto esteve na China, o atacante teve uma passagem rápida pelo Palmeiras em 2019. Na época, o atleta participou de apenas três partidas pela Libertadores e um jogo pelo Campeonato Brasileiro e foi abaixo das expectativas criadas.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos