Ricardo Friedrich avalia futuro e fala sobre carreira no futebol europeu

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


O goleiro Ricardo Friedrich avaliou o seu futuro e falou da busca por novos desafios após a não permanência no Ankaragücü, da Turquia. O atleta de 28 anos de idade - irmão do também goleiro Douglas Friedrich, do Juventude - foi um dos principais jogadores da equipe no Campeonato Turco, empilhando atuações consistentes. Livre no mercado e vivendo o auge físico e técnico, o atleta se vê preparado pra dar um salto na carreira.

Com carreira toda construída no futebol europeu, o arqueiro saiu ainda jovem do país e atuou no futebol da Finlândia e da Noruega, antes de chegar à Turquia. Na Finlândia, atuando pelo RoPS, atingiu, na temporada 2016, a melhor colocação da equipe na história. Tendo o irmão mais velho como espelho, Ricardo Friedrich possui no currículo prêmios de melhor goleiro do Campeonato Finlandês, o título da segunda divisão local, além dos bons números individuais com o Ankaragücü. Com a experiência adquirida, Ricardo acha que é o momento certo para o salto na carreira.

- Jogador vive de desafios e eu sou movido por eles, comodidade não faz parte do meu vocabulário. Nesse sentido eu considero que consegui cumprir os meus objetivos quando decidi atuar na Europa. Aprendi muito nos times que passei, construí uma boa bagagem. Como atleta e ser humano. Estou preparado para buscar voos mais altos na carreira, pois sinto que estou próximo de chegar ao meu auge físico, técnico e mental, que também é muito importante. Continuo trabalhando diariamente para manter essa evolução e concretizar dentro de campo meus objetivos individuais - afirmou, completando.

- Todo atleta sonha em ter sequência e jogar em grandes equipes. Eu claramente tenho essa ambição de chegar o mais longe possível na profissão e sei que tenho potencial para isso. Graças a Deus e com muito trabalho sempre tive uma boa sequência de jogos nas equipes que passei, isso dá experiência, ainda mais na minha posição. Me sinto muito otimista com meu futuro porque acredito muito no meu trabalho - afirmou

Ricardo Friedrich é natural de Candelária, no Rio Grande do Sul, e desde novo seguiu os passos do irmão mais velho, o também goleiro Douglas Friedrich, que tem passagens por Bahia, Grêmio e Corinthians. O roteiro foi o mesmo de outros atletas: saída jovem de casa, aos 14 anos, em busca do sonho. Passou por Internacional e Ituano, onde, ainda garoto, conquistou o Campeonato Paulista sobre o Santos.

Ainda sem definição sobre o futuro, Ricardo Friedrich trabalha por conta própria e segue a rotina intensa de treinos, com sua equipe técnica particular.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos