Rhayner deseja levar o Hiroshima de volta ao topo do futebol japonês


Recuperar a hegemonia do futebol japonês. Essa é a meta do Sanfrecce Hiroshima para 2020. Campeão da J-League três vezes em quatro anos entre 2012 e 2015, o clube é o terceiro maior vencedor da liga nacional do país, atrás apenas de Kashima Antlers e Yokohama Marinos. Com um troféu do torneio conquistado em 2017, o atacante brasileiro Rhayner fala da ambição de sua equipe no ano.

- É prazeroso fazer parte de um grupo que almeja ganhar competições. O Hiroshima é o grande campeão da década na J-League com três títulos e deseja brilhar novamente. Estou certo que assim que voltarmos a jogar, daremos sequência ao ótimo início de temporada que tivemos - afirmou.

Capixaba de Serra, no Espírito Santo, Rhayner está em sua segunda passagem pelo futebol nipônico. Na primeira, foi peça decisiva para o Kawasaki Frontale levantar de maneira inédita a maior taça do Japão. Com 29 anos, o ex-jogador do Fluminense diz sentir saudades do Brasil, em especial da família, mas mostra-se inteiramente adaptado ao estilo de vida local.

- É o meu quarto ano aqui, já estou totalmente ambientado ao lugar e à cultura. Admiro vários traços da personalidade do japonês e alguns acabam sendo absorvidos. Gosto muito desse país e de seu povo e espero continuar dando alegrias a ele com o meu ofício - encerrou.






Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também