Revezamento feminino do Brasil recebe medalha olímpica de Pequim-2008

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - As velocistas Rosângela Santos, Lucimar Moura, Rosemar Coelho Neto e Thaissa Presti, que formaram o time do revezamento 4x100 m do Brasil nos Jogos Olímpicos de Pequim-2008, receberam nesta quarta-feira (29), nove anos depois, medalhas de bronze pelo terceiro lugar herdado na prova, após a desclassificação da Rússia por doping.

O Brasil havia terminado originalmente em quarto lugar. As russas perderam a medalha de ouro, enquanto a Bélgica, que havia terminado em segundo, passou de prata para ouro, e a Nigéria, de bronze para prata.

A cerimônia aconteceu durante o Prêmio Brasil Olímpico, evento anual do Comitê Olímpico Brasileiro. As quatro atletas receberam as medalhas de bronze das mãos do presidente do COB, Carlos Arthur Nuzman.

"Qualquer atleta de modalidade olímpica sonha em ter uma medalha olímpica, e a gente está conquistando isso. Independentemente do tempo, de ser de uma forma diferente, tem essa conquista, essa medalha é nossa", disse Thaissa ao SporTV, pouco antes da premiação.