Revelado em escola da prefeitura do Rio, Gabriel Teles é esperança do Brasil na Luta Olímpica

·2 minuto de leitura


Atual campeão sul-americano de Luta Olímpica, o carioca Gabriel Teles, de 19 anos, viaja ao México nesta quinta-feira para ir à busca da medalha de ouro no Pan-Americano Júnior, que acontece a partir do dia 9 de junho. Atleta da seleção brasileira, o jovem talento é fruto de um programa da prefeitura localizado no Caju, bairro da Zona Portuária do Rio de Janeiro.

“Meu maior sonho é conquistar uma medalha olímpica, estou trabalhando duro para chegar lá", afirma a jovem promessa. “Quanto mais o poder público olhar para as comunidades, mais atletas surgirão, mais crianças sairão das drogas e mais professores serão formados.”

Lançado em 2012, o Ginásio Experimental Olímpico (GEO) é um programa da Secretaria Municipal de Educação para formar atletas sem deixar de lado a formação acadêmica. Lá, os alunos do 6º ao 9º ano do ensino fundamental testam a vocação para modalidades esportivas e recebem aulas de ciências, inglês, matemática e português.

“Hoje sou um atleta de alto rendimento pelo fato de não querer ser mais um nas estatísticas, como muitos amigos meus foram", destaca Gabriel Teles sobre a importância de ações dentro das comunidades. “Quero mostrar o que é persistência e também agradecer a equipe por trás de mim, meus companheiros de treino e, em especial, meu mestre, que sempre está me ajudando a trilhar o caminho do bem.”

O mestre ao qual o potencial atleta olímpico se refere é o professor Fabrício Xavier, que não esconde o orgulho de tê-lo como atleta.

“Ele é um competidor de muito potencial, novo e que tem muitos ciclos olímpicos pela frente. Ele tem uma história muito sofrida. A vida do atleta amador em nosso país é muito difícil, sobretudo para os oriundos de comunidades carentes. É uma verdadeira guerra", frisa o técnico.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos