Revelação da Holanda na Copa, Noppert despista sobre futuro e brinca: 'Sou o mais mal pago da seleção'

Goleiro holandês é um dos grandes destaques da posição na Copa (Foto: Divulgação/Holanda)


A Holanda está repleta de destaques nesta Copa do Mundo, mas o goleiro Andries Noppert é, sem dúvida, o mais improvável. O arqueiro estreou pela Laranja na partida contra Senegal, a primeira no Qatar e, desde então, não saiu do gol holandês. Sempre brincando, o jogador falou sobre as novidades e despistou sobre o futuro no futebol.

Noppert atua no modesto Heereveen, clube coadjuvante na Eredivise, mas isso não o incomoda. Muito pelo contrário, o goleiro confirma que não pensa em se transferir após a Copa do Mundo. De quebra, ele ainda brincou com seu salário que, segundo o arqueiro, é o menor entre os 26 convocados da Holanda na Copa do Mundo.

+ Van Gaal alfineta Messi e fala em 'revanche' contra Argentina na Copa do Mundo

- Se eu sou o jogador mais mal pago da seleção holandesa? Sim, 100%. Parece bastante lógico para mim. Eu não sei nada sobre isso (possível transferência após a Copa). E não estou nem um pouco pensando nisso. Vamos ver o que pode ou não acontecer depois desta Copa do Mundo. O Heerenveen pode determinar contratualmente o que eles querem comigo. Primeiro, quero chegar o mais longe possível aqui - disse, em entrevista ao jornal AD Sportwereld.

Antes do Mundial do Qatar, Noppert passou por diversos clubes e teve momentos difíceis. No entanto, uma boa campanha no Go Ahead Eagles, também da Holanda, fez com que o goleiro ganhasse protagonismo e retornasse ao Heereveen, equipe que o revelou. Agora, ele anda de barco com os craques da Laranja em dia de folga.

- Tenho medo de nunca mais entrar em um barco como aquele, no sentido de ser uma coisa tão luxuosa. Esse normalmente não é o meu mundo - reconheceu.

+ Davi e Golias? Torcidas de Argentina e Holanda assumem papéis distintos na Copa do Mundo

Mesmo com toda a simplicidade, o goleiro tem mostrado grande potencial e faz a diferença na campanha da Holanda. Contudo, ele terá um grande teste nas quartas de final, diante da Argentina de Lionel Messi. As equipes se enfrentam nesta sexta-feira, às 16h (de Brasília), no Estádio Lusail.