Após revés, restaurante de vice palmeirense é depredado

Estadão Conteúdo
Vista da Lanchonete Frevinho, no bairro do Jardins, em São Paulo (SP), do diretor de futebol do Palmeiras, Roberto Frizzo, após confusão de torcedores palmeirenses revoltados com a derrota para o Corinthians, em partida válida pela vigésima quinta rodada do Campeonato Brasileiro 2012. (Foto: GazetaPress/Sérgio Barzaghi)
.

Exibir foto

Vista da Lanchonete Frevinho, no bairro do Jardins, em São Paulo (SP), do diretor de futebol do Palmeiras, Roberto Frizzo, após confusão de torcedores palmeirenses revoltados com a derrota para o Corinthians, em partida válida pela vigésima quinta rodada do Campeonato Brasileiro 2012. (Foto: GazetaPress/Sérgio Barzaghi)

O clima pesou e, embora os jogadores do Palmeiras tentassem puxar para eles a responsabilidade pela fase do time, a torcida não teve dúvidas em culpar os dirigentes. Roberto Frizzo, vice-presidente de futebol, e Arnaldo Tirone, presidente do clube, foram não apenas xingados pelos furiosos torcedores que deixavam o Pacaembu, mas também ameaçados de agressão física pelos mais exaltados. Além de deixar o Pacaembu rodeados por seguranças, os dirigentes tiveram sorte por não serem agredidos em uma filial do restaurante Frevo, propriedade de Frizzo, na rua Oscar Freire, nos Jardins, mais de uma hora depois do jogo. O estabelecimento foi depredado por torcedores.

Nos minutos finais da partida, alguns membros de organizadas invadiram o setor das numeradas cobertas e tentaram chegar nos camarotes, onde estavam os dirigentes, mas foram coibidos pela polícia. Na confusão, quebraram várias cadeiras do estádio.

No intervalo, Frizzo, que assistiu ao primeiro tempo na numerada coberta, já havia sido muito xingado. Tirone, assustado e sempre cercado pelos seguranças até chegar nos vestiários do Pacaembu, não quis falar.

Já Frizzo tentou mostrar confiança e pedir tranquilidade. “Não é momento nem de se pensar. Tem que ter tranquilidade. Eu compreendo a revolta, mas sou absolutamente contra qualquer tipo de ameaça física. Vamos sair fora disso."

No entanto, o restaurante do dirigente foi invadido e depredado por homens encapuzados que vestiam a camisa do Palmeiras. Mesas e cadeiras foram viradas e pratos, copos e vidros, quebrados. Ele e Tirone jantavam no local, num espaço reservado, e não foram vistos.

Segundo um dos gerentes do Frevo, o restaurante estava lotado, inclusive com a presença de crianças, quando os vândalos deixaram os veículos e começaram a quebrar o que viam pela frente. Foi registrado um boletim de ocorrência no 78.º DP, na rua Estados Unidos, que relata a presença de dez pessoas em dois carros e duas motos. "Não queremos machucar ninguém, só quebrar tudo", disseram os torcedores. De acordo com policiais, não havia uniformes do Palmeiras, mas os torcedores vestiam camisas verdes.

Vasos foram atirados ao chão, o balcão sofreu danos, cadeiras acabaram entortadas e as paredes ficaram marcadas porque os torcedores arremessaram objetos contra elas. No momento dos ataques, os dirigentes palmeirenses entraram para os fundos do restaurante e se protegeram dentro de um banheiro junto de outros clientes.

Dois policiais ficaram vigiando o estabelecimento e outros foram remanejados para proteger a outra filial da rede, na rua Augusta, que não sofreu danos por ter sido avisado com antecedência.

Exibir comentários (130)
  • Meia Gabriel Leite chega ao Paraná e já deve ficar como opção

    O returno da Série B do Campeonato Brasileiro já está se aproximando da metade, mas a diretoria do Paraná Clube segue anunciando reforços para o restante da competição. Nesta quinta-feira, quem desembarcou oficialmente na Vila Capanema foi o meia Gabriel Leite, atleta revelado pelo Palmeiras. Mais »

    Gazeta Press - 26 minutos atrás
  • Apesar de vitória, Dorival se mostra indignado com maratona de jogos

    Nesta quinta, Dorival Júnior alcançou sua nona vitória em doze jogos à frente do Santos desde o seu retorno ao clube. Mas o técnico tem percebido sua equipe caindo de rendimento a cada nova partida em função do desgaste físico. Os resultados têm sido positivos, mas o técnico já teme por uma queda que possa acabar evitando que algum objetivo seja alcançando, já que a temporada começa a entrar em momentos decisivos. Mais »

    Gazeta Press - 27 minutos atrás
  • R. Oliveira admite novo pênalti mal batido, e posto de batedor fica sob análise

    Se o Santos tiver um pênalti a seu favor nos próximos jogos, quem baterá? Hoje, ninguém pode responder esta questão. Ricardo Oliveira fez dois dos três gols que garantiram a vitória do Peixe sobre a Chapecoense nesta quinta, Porém, mais uma vez o centroavante falhou ao bater um pênalti. Pela terceira vez seguida, o experiente jogador optou pelo mesmo canto e viu o goleiro espalmar. Já é o quatro desperdiçado por ele na competição. Mais »

    Gazeta Press - 1 hora 20 minutos atrás
  • Fabiana Murer fica com a prata em etapa da Liga Diamante

    A brasileira Fabiana Murer conquistou a medalha de prata na etapa de Zurique, na Suíça, da Liga Diamante. Vice-campeã mundial do salto com vara, a atleta conseguiu a marca de 4,72m e dividiu a segunda colocação com a cubana Yarisley Silva, ouro nos Jogos Olímpicos de Pequim, em 2008. Mais »

    Gazeta Press - 1 hora 21 minutos atrás
  • Grêmio destaca força do elenco em vitória obtida com cinco desfalques

    Muitos dos que desconfiavam do Grêmio antes do início do Campeonato Brasileiro tinham no elenco pequeno um dos principais motivos para pensar que o Tricolor não faria uma grande campanha em 2015. No entanto, a equipe mostrou força de elenco nesta quinta-feira, ao derrotar o Figueirense, fora de casa, jogando sem cinco titulares. Este foi o principal destaque feito pelos próprios atletas após a vitória por 2 a 0 em Florianópolis. Mais »

    Gazeta Press - 1 hora 35 minutos atrás