Revés para o Goiás pôs fim à série invicta de mais de um ano de dupla de zaga do Flu

LEO BURLÁ

RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS) - O tropeço do Fluminense para o Goiás significou uma derrota pessoal para a dupla de zaga formada por Henrique e Renato Chaves. Com a derrota por 2 a 1 na Copa do Brasil, os defensores viram uma sequência expressiva ser interrompida.

Com os dois em campo, o Flu não perdia uma partida desde fevereiro de 2016, quando a equipe tricolor foi batida pelo Botafogo. De lá para cá, os dois atuaram juntos em 17 ocasiões, e estavam "invictos" até a queda diante do Goiás. Ao todo, os dois somam 13 vitórias, três empates e agora três derrotas.

Para a partida de volta, Renato, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, não vai estar em campo no jogo no Maracanã. A tendência é que Nogueira seja o escolhido de Abel.

Apesar de não poder contar com um de seus titulares, o técnico Abel Braga demonstrou otimismo para o duelo da volta. "Estamos vivos. Eles tentaram de tudo, o rapaz até se jogou no lance do pênalti. Eu perdi os primeiros 90 minutos. Faltam os outros 90, mas agora vai ser na minha casa", disse o comandante.

Após desembarcar de Goiânia na tarde de sexta, o elenco tricolor retoma os treinos neste sábado.

O desempenho da dupla:

Fluminense 1 x 2 Flamengo

Fluminense 0 x 2 Botafogo

Fluminense 2 x 0 Criciúma

Vitória 0 x 0 Fluminense

Ypiranga-RS 0 x 2 Fluminense

Fluminense 3 x 2 Figueirense

Fluminense 3 x 2 Criciúma

Fluminense 3 x 0 Vasco

Fluminense 1 x 0 Resende

Portuguesa 0 x 3 Fluminense

Fluminense 0 x 0 Madureira

Sinop-MT 1 x 3 Fluminense

Fluminense 3 (4) x (2) 3 Flamengo

Criciúma 1 x 1 Fluminense

Fluminense 3 x 2 Criciúma

Botafogo 2 x 3 Fluminense

Fluminense 3 x 0 Macaé

Fluminense 2 x 0 Liverpool-URU

Goiás 2 x 1 Fluminense