Reunião nesta semana pode definir volta de Roger Guedes ao Brasil

·2 minuto de leitura
Roger Guedes não joga desde 19 de dezembro, quando ajudou o Shandong Luneng a ganhar a Copa da China (Getty Images)
Roger Guedes não joga desde 19 de dezembro, quando ajudou o Shandong Luneng a ganhar a Copa da China (Getty Images)

Roger Guedes agitou o domingo de várias torcidas brasileiras depois de revelar em seus stories informações de que estava voltando ao Brasil com a intenção de trabalhar e que em breve estaria jogando novamente. Atleticanos, rubro-negros, são-paulinos, corintianos... todos se animaram com a chance de reforço.

Mas nem todos estão no páreo. Empresário de Roger Guedes, Paulo Pitombeira descarta a possibilidade de um acordo com o Corinthians. "Chance zero", respondeu ao Blog. Sem qualquer reforço para a temporada, o Timão pensa em aquisições bem mais baratas.

Leia também:

Já sobre o Atlético-MG, a declaração foi diferente: "Nada por agora". Roger Guedes foi inúmeras vezes especulado pelo Galo nas últimas janelas de transferência, depois do enorme sucesso que fez em Belo Horizonte.

Mas o ânimo do atacante em relação à chance de voltar a jogar em breve, possivelmente no Brasil, tem relação com um encontro marcado para os próximos dias com Pitombeira. "Essa semana vamos avaliar o futuro", afirmou o empresário.

Roger Guedes tem contrato com o Shandong Luneng até a metade do ano que vem e a renovação já foi descartada. Para piorar, o brasileiro não teve autorização, assim como vários outros atletas, para retornar à China e nem estreou em 2021. E tem mais: a Superliga Chinesa pode ficar parada entre agosto e novembro, para que a seleção local possa ter prioridade na busca por uma vaga na Copa do Mundo do Catar, no ano que vem.

Neste cenário, ficaria ainda mais inviável para o Shandong manter os salários de Roger Guedes em 2021 sem utilizá-lo. E é aí que pode surgir um acordo entre as partes.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos