Reunião entre Yony e Flu para tratar de renovação tem balanço positivo

Yony González já recusou outras três propostas para renovar com o Fluminense (Foto: Celso Pupo/Fotoarena)
Yony González já recusou outras três propostas para renovar com o Fluminense (Foto: Celso Pupo/Fotoarena)


A reunião para a renovação de Yony González com o Fluminense terminou com um resultado considerado positivo pelas partes envolvidas na negociação. Pelo Flu, participaram do encontro, nesta quinta-feira, o vice-presidente Celso Barros e o diretor de futebol Paulo Angioni. Pelo lado do atacante, o pai, Efraim González, e os empresários Gianluca di Franco e Daniel Nassif.

Não foi a primeira vez que representantes do jogador se reuniram com a diretoria tricolor. Tanto o ex-presidente Pedro Abad, quanto o atual, Mário Bittencourt, fizeram proposta para renovar o vínculo do colombiano, sem sucesso. A nova gestão, já havia apresentado uma proposta a Yony González, mas um impasse quanto ao pagamento de luvas emperrou as negociações. Na ocasião, o Flu também passava por graves problemas financeiros, com atrasos salariais, o que contribuiu para a recusa do jogador.

Artilheiro da Tricolor na temporada, Yony tem contrato apenas até o fim de 2019, e, desde julho, está autorizado a assinar pré-contrato com outro clube. Os interessados já começaram a se movimentar, como o Atlético-MG.

Na atual temporada, Yony González disputou 37 jogos e marcou 15 gols. Está empatado com Luciano, que já deixou o clube, na artilharia do Fluminense em 2019. Ele chegou ao clube no início do ano, a pedido do técnico Fernando Diniz, vindo do Junior Barranquilla (COL).







Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também