Retorno de Nene, desempenho fora de casa e sistema defensivo: o que observar no Vasco contra o Guarani

·2 min de leitura


Depois de tropeçar diante do CSA, o Vasco volta a campo, nesta quinta-feira, contra o Guarani, às 19h, no Brinco de Ouro, pela 33ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O Cruz-Maltino tenta voltar a encostar no G4 na reta final da competição. O time necessita de uma arrancada para não deixar o pelotão de frente se distanciar e lutar pelo acesso. A vitória é essencial para manter vivo o sonho nas cinco rodadas que restam.

Com 47 pontos, o Gigante da Colina tem sete de diferença para o Goiás, atual quarto colocado. Depois da chegada de Fernando Diniz, a equipe está em uma campanha de recuperação restando seis jogos para o fim da competição, porém não vence há duas rodadas. Diante disto, o LANCE! listou cinco pontos importantes para o torcedor ficar de olho no Vasco contra o Bugre.

+ Confira e simule a tabela da Série B do Campeonato Brasileiro

- Retorno de Nene:
O camisa 77 fez muita falta na derrota para o CSA, mas estará de volta nesta quinta, após cumprir suspensão pelo terceiro amarelo. Com quatro gols e duas assistências em oito jogos, o meia tem sido uma peça importante no esquema de Diniz e feito uma boa dobradinha com Cano na frente.

- Desempenho fora de casa: Um dos fatores para a irregular campanha do Vasco na Série B é o aproveitamento longe do Rio de Janeiro. Fora de casa, até o momento, o time fez dezesseis jogos, com apenas quatro vitórias, cinco empates e sete derrotas. Além do Guarani, o Gigante da Colina terá mais duas partidas como visitante: Vila Nova, em Goiânia, e o Londrina, no Estádio do Café.

- Falhas defensivas: Na temporada, a defesa vascaína tem sofrido com a bola aérea e com constantes falhas. Até o momento, o sistema defensivo não foi vazado em apenas oito jogos (25%) da Série B. Nesta reta final, Diniz sabe que precisa corrigir os erros para ser certeiro e garantir o acesso.

- Jogo de "seis pontos": O confronto desta quinta é direto na briga pelo acesso. Com isso, o Vasco soma 47 pontos, enquanto o Bugre está com 49. Ambos ainda sonham em entrar no G4 nesta reta final. Na rodada, o Goiás, atual quarto colocado, tem 54, mas tropeçou ao empatar com a Ponte Preta, em Goiânia.

- Produção dos pontas: Nas últimas partidas, Morato e Gabriel Pec não tem tido boas atuações e tem sido improdutivos em campo. Com a volta de Nene, ambos podem subir de produção como foi nas vitórias contra Goiás e Coritiba, em São Januário. Nene dá mais qualidade no passe, criatividade, e precisão nas bolas paradas.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos