Tribunal de Madri condena 8 torcedores do Leicester por desordem pública

Madri, 13 abr (EFE).- Um tribunal madrilenho condenou a quatro meses de reclusão oito torcedores do Leicester detidos na terça-feira por causarem desordem pública na praça Maior de Madri.

Segundo informaram à Agência Efe fontes do Tribunal Superior de Justiça de Madri, seis deles também foram condenados a outros quatro meses de cárcere por desacato às autoridades.

Alguns desses torcedores também foram condenados por delitos leves de maus-tratos ou lesões contra agentes, que terão direito a receber uma indenização.

No entanto, devido à curta duração das penas, os torcedores detidos poderão evitar a prisão por meio do pagamento de uma multa.

Os incidentes que motivaram as detenções ocorreram na noite da terça-feira passada, quando um grupo de 70 torcedores do Leicester protagonizou incidentes que obrigaram a polícia a agir.

Os torcedores tinham viajado a Madri para assistir ao jogo de ida das quartas de final da Liga dos Campeões contra o Atlético de Madrid, que venceu o Leicester por 1 a 0 na quarta-feira no estádio Vicente Calderón. EFE