Melhor jogador do mundo marca data para se aposentar da seleção portuguesa

EFE

Lisboa, 20 mar (EFE).- O ala Ricardinho, eleito o melhor jogador de futsal do mundo nos últimos quatro anos, anunciou em entrevista, repercutida nesta terça-feira na imprensa de Portugal, que deixará a seleção do país depois do Campeonato Mundial de 2020.

As declarações foram feitas para a emissora italiana "Fox Sports" e ganharam destaque hoje nos veículos lusos de comunicação.

Segundo o jogador, de 32 anos e que atua no Inter Movistar, da Espanha, a ideia com a aposentadoria é "dar oportunidade para outros Ricardinhos" na seleção portuguesa.

O ala lembrou que o calendário internacional é muito desgastante e exigente, incluindo muitos jogos, o que significa "muita pressão e muito tempo longe da família".

Até hoje, Ricardinho já disputou 158 partidas com Portugal, tendo balançado as redes 135 vezes. Neste ano, foi destaque na conquista de inédito título do Campeonato Europeu, em que foi eleito o melhor jogador.

A próxima edição do Mundial, que acontecerá em 2020, ainda não tem sede definida. Os lusos ainda terão que conseguir vaga, na disputa das Eliminatórias continentais. EFE


Leia também