Rescisão de Felippe Cardoso com o Santos é publicada no BID da CBF

Felippe Cardoso rescindiu o contrato com o Santos (Foto: Ivan Storti/Santos)


O atacante Felippe Cardoso acertou a rescisão de contrato com o Santos e ela foi publicada no BID na manhã desta segunda-feira (16). O jogador não estava nos planos do técnico Odair Hellmann e deve se transferir para o futebol português.

A diretoria santista segue fazendo a limpa no elenco e já acertou a rescisão com Jhojan Julio, Bryan Angulo, Wagner Leonardo, Guilherme Nunes e Jobson; emprestou Andrey Quintino e apenas Allanzinho, Tailson e William Maranhão aguardam definição de futuro.

O atacante foi contratado em setembro de 2018 após indicação do técnico Cuca e custou R$ 3 milhões por 60% dos direitos econômicos. No campo, porém, as coisas não aconteceram: foram apenas 11 jogos e um gol. Ele chegou a ser afastado do time principal após se recusar a jogar uma partida do Campeonato Brasileiro de Aspirantes.

Com o técnico Ariel Holan, em 2021, o atacante participou de algumas atividades com o grupo principal, mas na maioria dos treinamentos não foi chamado pelo técnico argentino. Naqueles tempos, ele também não foi relacionado para nenhum jogo da equipe. Antes ele havia sido emprestado ao Ceará e Fluminense.

Com Holan no início de 2021, o atacante chegou a participar de algumas atividades com o grupo principal, mas na maioria dos treinamentos não foi chamado pelo técnico argentino. Naqueles tempos, ele também não foi relacionado para nenhum jogo da equipe.

Desde então foi emprestado ao Vegalta Sendai, do Japão, e teve seu contrato prorrogado para temporada passada. Ao todo, foram 44 jogos, quatro gols e cinco assistências. Por conta de lesões, na temporada 2022 Felippe Cardoso teve dificuldades para jogar e disputou apenas 19 jogos.