Repercussão negativa da Copa América faz Cereto apontar 'lacração política' na imprensa esportiva

·1 minuto de leitura


Diante da repercussão negativa da realização da Copa América no Brasil entre jornalistas, torcedores e políticos, Carlos Cereto, comentarista dos programas esportivos do SporTV, questionou as posições tomadas pelos companheiros de imprensa. Nos últimos dias, inclusive, colegas de bancada como Galvão Bueno e Casagrande se mostraram contra a competição sul-americana no Brasil.
+ Confira a classificação atualizada do Brasileirão 2021!

No Twitter, Cereto afirmou o jornalismo esportivo havia se "transformado numa grande lacração política". Além disso, apontou sentir saudades dos tempos em que a "imprensa esportiva achava que só entendia de futebol".

A opinião de Cereto vai de embate as de seus companheiros de Globo. Na última segunda-feira, o posicionamento mais forte entre os jornalistas da emissora carioca foi emitido ao vivo no "Seleção SporTV" por Luís Roberto. O narrador disse que o aval para realização da Copa América no Brasil era um "tapa na cara dos brasileiros".

O texto publicado também repercutiu na internet. Carlos Cereto recebeu críticas pela colocação.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.
Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.
Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.
Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.
Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos