Repórter sofre assédio de torcedor do Flamengo durante cobertura da final da Libertadores

Situação foi condenada na web (Foto: Reprodução)


Uma repórter equatoriana que estava ao vivo mostrando a movimentação de torcedores do Flamengo em Guayaquil, onde acontece a final da Libertadores contra o Athletico, foi assediada por um flamenguista.

+ Paulinho, Gerson… Listamos 10 brasileiros que estão com pouco espaço no exterior

A jornalista realizava uma reportagem quando um homem, usando uma camisa do Flamengo, a segue e passa a incomodá-la. Em seguida, com uma mão em seu ombro, ele afirma que deseja casar com ela. Nas imagens que circulam nas redes sociais, é possível notar o torcedor abraçando e buscando o contato físico com a profissional, que tentava se afastar. O homem ainda não foi identificado.

+ Paquetá se declara ao Flamengo e mostra lado torcedor na web

Em setembro, um torcedor do Flamengo foi preso depois de assediar a repórter Jéssica Dias, da ESPN, antes do jogo da equipe carioca contra o Vélez Sarsfield, da Argentina, pela semifinal da Libertadores. Sem o seu consentimento, o homem se aproximou da jornalista e a beijou no rosto.