Renato Gaúcho exalta Novo Hamburgo após empate em casa

O técnico Renato Portaluppi afirmou após o jogo contra o Novo Hamburgo, na Arena, que a igualdade no resultado aconteceu devido ao desempenho do time adversário em campo. “Dificuldade se encontra ainda mais porque a gente enfrentou a equipe que teve o melhor desempenho do campeonato. O Novo Hamburgo fez uma boa marcação. O Grêmio criou bem menos devido a marcação deles”, analisou o treinador.

Mesmo com o empate, o comandante gremista disse ter confiança para reverter a desvantagem fora de casa. “Eu acho que a única vantagem que o Novo Hamburgo tem é jogar pelo zero a zero, mas o Grêmio faz gols em quase todos os jogos. São mais 90 minutos e eu confio muito no meu grupo”, comentou. Ao ser questionado sobre o calendário apertado, Renato foi sincero. “Esse é um problema que grandes clubes enfrentam por disputar vários campeonatos. A partir de amanhã vamos estar totalmente com a cabeça na Libertadores e na sexta-feira voltamos a pensar no Campeonato Gaúcho”, ressaltou.

O vice-presidente de futebol do Grêmio, Odorico Roman, também falou sobre a sequência de jogos importantes do Tricolor de Porto Alegre. “O Grêmio não vai reclamar porque não se reclama de calendário. Se administra da melhor forma possível”, destacou. Para Roman, os gols sofridos na última quarta-feira, na Arena, contra o Deportes Iquique-CHI não podem ser comparados com o tento do Novo Hamburgo no Campeonato Gaúcho. “É diferente comparar o jogo contra o Iquique-CHI, quando consideravam o jogo decidido, com a partida de hoje, que teve uma desatenção que gerou o empate. Eu não entendo que sejam situações iguais”, afirmou.

O Grêmio volta aos treinos na manhã desta segunda-feira no CT Luiz Carvalho. Na quinta-feira, o time encara o Guaraní-PAR, no Paraguai, pela Copa Libertadores. Já, no domingo, o Tricolor disputa a segunda partida da semifinal contra o Novo Hamburgo.