Renato Augusto diz que 'todos jogos são difíceis' e pede para Corinthians encarar o Sport 'como uma final'

·2 minuto de leitura


Pouco depois de treinar com o elenco do Corinthians, Renato Augusto concedeu entrevista coletiva no início da tarde desta quinta-feira, no CT Joaquim Grava, onde projetou a partida que o time fará contra o Sport, no sábado, às 16h30, na Arena Pernambuco, pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro.


TABELA
> Veja classificação e simulador do Brasileirão-2021 clicando aqui

> Conheça o aplicativo de resultados do LANCE!

GALERIA
> Confira as fotos da nova terceira camisa roxa do Corinthians

E apesar de o Corinthians estar há dez jogos invicto, vir embalado de uma boa vitória por 3 a 1 sobre o Bahia e ainda ter pela frente o atual vice-lanterna do Brasileirão, o meio-campista conteve a euforia ao exaltar o alto nível de competitividade entre todos os times da competição.

- Todos os jogos são muito difíceis. É complicado. Além de ter um nível alto, você tem um desgaste físico muito grande e também tem o desgaste das viagens, sendo que você tem uma sequência grande de viagens. Já perdemos pontos em jogos assim e nós temos de encarar esse jogo como se fosse uma final - ressaltou Renato Augusto.

Um exemplo claro da dificuldade enfrentada pelos principais favoritos ao título do Brasileirão ocorreu na noite da última quarta-feira, quando o líder Atlético-MG não conseguiu passar de um empate por 2 a 2 com a lanterna Chapecoense, em Chapecó.

Na quinta posição do Brasileirão, com 37 pontos, o Corinthians está 13 atrás dos atleticanos, que também ostentam 11 de vantagem sobre Palmeiras, Flamengo e Fortaleza, hoje empatados com 39.

E a ótima crescente do Timão e possíveis tropeços dos adversários fazem com que Renato Augusto mantenha a esperança de sonhar com o título nacional, mas ele reconhece que esta não é a realidade vivida pela equipe e alerta sobre a necessidade de sempre focar apenas o próximo jogo.

- Há pouco tempo, quando eu cheguei, falavam até de rebaixamento. Então o momento (de pensar em título) não é esse. O momento é o de a equipe se consolidar, ganhar e crescer neste final de temporada. Estamos em construção, com jogadores chegando agora -, lembrou Renato Augusto.

- O momento é pensar no próximo jogo, sem criar muita expectativa. Lá na frente a gente vai ver, mas acho que o mais importante é a gente continuar jogando bem, conquistando pontos, para a gente ganhar confiança - completou.

Invicto há dez jogos, o Corinthians foi derrotado pela última vez há mais de dois meses, no dia 1º de agosto, quando perdeu para o Flamengo por 3 a 1, na Neo Química Arena. Depois deste duelo, acumulou cinco vitórias e cinco empates no Brasileirão, no qual agora vem se consolidando como um dos principais protagonistas na luta pelas primeiras posições da tabela.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos