Renê Pereira se destaca no primeiro dia de remo nos Jogos Paralímpicos

·1 minuto de leitura


No primeiro dia de remo nos Jogos Paralímpicos de Tóquio, o grande destaque brasileiro foi Renê Pereira. Nesta sexta-feira, o remador venceu sua bateria do skiff simples PR1 (atletas com pouca ou nenhuma função no tronco) e garantiu vaga direta na fina da competição.

+ Brasil leva bronze no revezamento 4x50m misto, e Daniel Dias alcança a 27ª medalha em Jogos Paralímpicos

Renê Pereira começou a prova atrás, com equilíbrio entre os atletas da ponta, mas da metade até o fim da prova, o brasileiro sobrou e terminou com tempo de 9m57s59, 35 segundos a frente do vice-líder, o australiano Eric Horrie. A final está marcada para o próximo dia 29.

+ Jovane Guissone conquista a medalha de prata nos Jogos Paralímpicos

Também no skiff simples classe PR1, mas no feminino, Claudia Santos fez o tempo de 12m28s11, fechou na quarta colocação e vai disputar a repescagem. Na classe PR2 (remadores com uso funcional de braços e tronco, mas com ausência de função nas pernas), Josiane Lima e Michel Pessanha ficaram na quinta posição e também disputam repescagem.

A última prova do remo com participação brasileira na sexta-feira foi na classe PR3 (para remadores com função residual nas pernas e/ou deficientes visuais). Ana Paula de Souza, Diana Barcelos, Jairo Kluig, Valdeci Junior e Jucelino da Silva ficaram na quinta colocação, com tempo de 7m56s75, e também vão disputam a repescagem.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos