Rei de Copas: Palmeiras se isola com melhores números de brasileiros na Libertadores

·2 min de leitura
(Foto: Cesar Greco/Pameiras0


A vitória sobre o Flamengo na final da Libertadores, em Montevidéu, garantiu o terceiro título do Palmeiras na competição continental, o segundo sob comando de Abel Ferreira. Maior campeão entre os brasileiros ao lado de São Paulo, Santos e Grêmio, o Verdão se consolida também como o detentor dos melhores números na taça da Conmebol.

Sexta final do clube na competição, o jogo deste sábado também deixou o Maior Campeão Nacional igualado com o São Paulo em números de finais disputadas. Assim como o rival tricolor, ambas as instituições possuem 50% de aproveitamento, com três derrotas e três taças erguidas.

Com a 23ª participação garantida, a equipe de Abel Ferreira também se isola como o brasileiro com mais participações em Libertadores. Antes empatado com São Paulo e Grêmio, o time paulista tem chances remotas de ainda conseguir vaga à competição, enquanto os gaúchos já estão matematicamente fora.

Em 22 temporadas no maior torneio de clubes disputado dentro da América do Sul, o Verdão soma ao todo 210 partidas, 117 triunfos e 392 gols marcados, números que também credenciam o clube na liderança das três estatísticas entre todos os brasileiros que já disputaram a competição.

O time palestrino também fecha a temporada 2021 continuando com o recorde histórico do clube com mais jogos sem perder fora de casa na Libertadores, com 15 partidas de invencibilidade. A última derrota foi na fase de grupos da edição de 2019, para o San Lorenzo, na Argentina. Desde então, foram dez vitórias e cinco empates longe do Allianz Parque – sem contar as finais de 2020 e 2021, disputadas em campo neutro.

Vale lembrar também que o Palmeiras repetiu o feito de Santos em 1962/63 e São Paulo em 1992/93, sendo os únicos do Brasil que venceram o torneio de maneira consecutiva. Nas ocasiões, o time de Pelé venceu o Peñarol, em 1962, e o Boca Juniors, em 1963. Já o Tricolor de Telê Santana, vencedor em 1992 e 1993, bateu Newell’s Old Boys, da Argentina, e Universidad Católica, do Chile, respectivamente.

Após o título, o Verdão volta a campo na próxima terça-feira (30), diante do Cuiabá, a Arena Pantanal, pela trigésima sexta rodada do Brasileirão. Sem chances matemáticas de título e já garantido na Libertadores de 2022, a equipe encontrará seus torcedores no Brasil pela primeira vez após a conquista do tricampeonato continental.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos