Rei do acesso! Chamusca chega ao Botafogo credenciado por boas campanhas em divisões inferiores

Sergio Santana
·2 minuto de leitura


O Botafogo terá uma prioridade na próxima temporada: retornar à elite do futebol brasileiro. Para isto, aposta em um nome que vem se mostrando como um especialista em acessos nos últimos anos. Marcelo Chamusca foi o escolhido para comandar o Alvinegro na segunda divisão do Campeonato Brasileiro e, consequentemente, liderar o clube na busca pela Série A.

O novo treinador do clube de General Severiano acumula quatro acessos durante a carreira: com o Salgueiro, em 2013, da Série D para a C; com o Guarani, em 2016, da Série C para B; com o Ceará, em 2017, da Série B para a Série A e o Cuiabá, na atual temporada, também para a elite nacional.

Vale ressaltar que ele participou de boa parte da campanha do time do Mato Grosso na segunda divisão, antes de deixar o comando para assumir o Fortaleza. Mesmo assim, tem parte significativa no acesso do Cuiabá para a elite do futebol brasileiro.

O "Rei do Acesso" carrega consigo justamente o estigma que o Botafogo necessita e buscava no mercado: um nome com experiência na segunda divisão, vivência em campanhas vitorias e que encaixasse na realidade financeira do clube. Marcelo Chamusca cumpriu todos os requisitos.

Aos poucos, o planejamento do Alvinegro também vai se revelando. Com um treinador definido, a tendência é que os novos jogadores da "lista de reforços" - e de possíveis indicações do próprio Chamusca é claro - sejam cada vez mais buscados e sondados. A temporada de 2021 já começou para o clube de General Severiano.

Chamusca chega já sabendo que terá reforços para o atual plantel: nomes como o atacante Ronald, os meio-campistas Pedro Castro e Matheus Frizzo e o lateral-direito Jonathan. Por outro lado, alguns jogadores do atual elenco, como Salomon Kalou, devem deixar o clube.

ANTES DE CHAMUSCA, "NOMES CAROS" FORAM SONDADOS
O Botafogo chegou a pensar em extrapolar o teto salarial por um treinador. Fernando Diniz, por exemplo, foi sondado, mas pediu um tempo para esperar porque estava na expectativa de propostas de clubes da Série A. Sem tempo a perder, o Botafogo mudou o foco.

Chamusca, portanto, chega com uma responsabilidade de devolver o Botafogo à elite do futebol brasileiro. Com um currículo que dá esperança para tal, o profissional assinou dentro da realidade do clube.