Reforço do Vasco, Cano já formou "clube do vinho" com centroavante do Corinthians

Atacante argentino já dividiu paixão pela bebida com Boselli quando atuavam juntos no México. E agora, vai rolar dupla com Abelão?
Atacante argentino já dividiu paixão pela bebida com Boselli quando atuavam juntos no México. E agora, vai rolar dupla com Abelão?

O argentino Germán Cano, principal reforço do Vasco para a temporada 2020 , tem uma história particular envolvendo vinho e Mauro Boselli, centroavante do Corinthians. Companheiro do camisa 17 do Timão, Cano disse que ambos e outros argentinos formaram um "clube do vinho" quando atuaram juntos no Léon, do México.

"Havia seis argentinos. Guille Burdisso, Diego Novaretti, Mauro Boselli, Maxi Moralez... Uma vez por semana, comíamos juntos. Tomávamos três ou quatro vinhos", comentou o centroavante, em entrevista ao site da Libertadores, publicada no ano passado. Em campo, Cano foi suplente na maior parte do tempo em que esteve no México. Na mesa, o hoje corintiano não se arriscava no vinho: Boselli não bebe álcool, apenas acompanhava os amigos.

No que se refere ao conhecimento de vinhos, porém, ele não era superado por ninguém. "Sempre fui apaixonado, sempre gostei de saber o que havia por trás do vinho, me pareceu legal. Contratei um sommelier para nos dar um curso para saber o que estávamos tomando. Então, começamos a estudar com os meninos, foi um mês e meio. Desde então, encontrei outro significado para o vinho", continuou.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

No Vasco, Cano não vai ter muito trabalho para achar alguém com quem compartilhar uma garrafa de vinho. O técnico Abel Braga é fã confesso da bebida, que rendeu até polêmica no ano passado. Apontado como membro de um "clube do vinho" , que teria a presença de jornalistas e outros membros da imprensa, ele chegou a usar as redes sociais para dizer que não era protegido devido aos contatos na mídia.

 

 

 

 

View this post on Instagram

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Família.Amigos.Respeito.Verdade! Esse é o clube do vinho. 🍷

A post shared by Abel Braga (@abelbragaoficial) on Aug 2, 2019 at 6:08pm PDT

Na mesma entrevista, Cano ainda diz que pretende abrir algum negócio relacionado ao vinho, mas só quando terminar a carreira. Até lá, o atleta de 31 anos espera continuar a manter uma boa média de gols marcados, dessa vez no Rio de Janeiro.

Nos dois últimos anos, defendendo o Independiente Medellín, Cano anotou um total de 74 gols em 96 jogos disputados , marca assombrosa para qualquer nome da posição. No Vascp, ele deve formar dupla com o jovem Marrony.

Leia também