Recuperado da Covid-19, Cícero treina e está à disposição de Autuori no Botafogo

O Globo
·1 minuto de leitura
Cícero em sua apresentação oficial no Botafogo

Após empate por 1 a 1 contra o Red Bull Bragantino, em Bragança Paulista, o Botafogo voou diretamente para a capital do Ceará, onde enfrenta o Fortaleza, do técnico Rogério Ceni, pela 3ª rodada do Campeonato Brasileiro, domingo às 19h30, buscando o primeiro triunfo na competição. Cícero, que contraiu a Covid-19, se recuperou, treinou e pode ser opção para Altuori. Pedro Raul, no entanto, não participou das atividades e está fora do confronto de domingo.

Quem talvez mais ganhe com essa manutenção dos titulares seja o jovem atacante Matheus Babi, que aproveitou a oportunidade do último jogo e anotou o gol botafoguense em jogada de oportunismo, sendo elogiado pelo comandante em entrevista coletiva após o jogo.

— Lutou o jogo todo e fez um partidaço — frisou o técnico.

A única mudança pode ficar por conta da saída do Rhuan e a volta do recuperado de lesão, Luiz Fernando.

O Botafogo estrearia no Brasileiro dia 9/8, mas, pelo fato do Bahia, adversário da 1ª rodada ter disputado a final estadual no mesmo final de semana, a partida foi postergada ainda sem data para ser realizada.

Do lado do Fortaleza, Ceni terá três desfalques certos por lesão: os volantes Nenê Bonilha e Michael, além do atacante Madson. O zagueiro Roger Carvalho é dúvida.